Dorival nega tranquilidade, mas avisa: “Não se surpreendam se o São Paulo surpreender”

Comentários()
Rubens Chiri/SPFC/Divulgação
Tricolor reencontrou o caminho das vitórias com o triunfo por 2 a 0 sobre o CRB, no Morumbi

Aliviado, mas ainda pressionado. Esse era o sentimento do técnico Dorival Júnior em entrevista coletiva após a vitória por 2 a 0 sobre o CRB, no Morumbi, pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil, que encerrou um jejum de três jogos sem triunfo dos donos da casa.

“Não diminui a pressão. Infelizmente, futebol no nosso país é assim. Não falta trabalho e lealdade, tive resposta muito positiva da diretoria porque sempre demonstrei lealdade e dignidade desde que cheguei. Os resultados não são bons, o trabalho está sendo feito, com dificuldades, e São Paulo pensou diferente da grande maioria. Mesmo se fosse outro aqui, reconheceria o valor da atitude tomada. Sempre jogo pelo resultado seguinte, sempre foi assim e sempre será, ganhando sempre ou oscilando, como agora. Poderiam avaliar mais trabalho do que resultado, que nem sempre espelha o que acontece. Esse calendário é um problema muito sério, e estoura sempre no treinador”, ressaltou.

“Não. Não tem como. Um resultado... Jamais, treinador não relaxa. Todos em volta descansam, mas não tem como relaxar aqui, não faz parte do dia a dia do treinador. A pressão é grande, é um fato. Não vai mudar. Mesmo quando eu parar eu sei que não vai mudar, temos que conviver”, acrescentou ao ser questionado se teria maior tranquilidade após a vitória.

Valdivia Militao Sao Paulo CRB 28022018 Copa do Brasil
(Foto: Rubens Chiri/São Paulo/Divulgação)

Por fim, Dorival também fez questão de agradecer o apoio que vem recebendo da diretoria nesse momento de pressão.

“Eu fico feliz pelo respeito e a dignidade da diretoria. Eles veem nosso trabalho, eles não esqueceram que há poucos meses estávamos na zona de rebaixamento e terminamos o returno quase na liderança do turno. Não tenho dúvida se a gente tivesse uma sequência um pouco diferente, estaríamos melhores. Perdemos jogadores, ganhamos outros, não tivemos muito tempo de jogo, mas pra mim é fundamental. Mesmo assim estou muito satisfeito com o que eu vejo, tem muito a melhorar. Eu não vou decepcionar a diretoria de jeito nenhum”, finalizou.

Próximo artigo:
São Paulo 4 x 1 Mirassol: Tricolor sai atrás, vira o placar, vê expulsão de rival e garante goleada em estreia do Paulista
Próximo artigo:
Após rumores do PSG, Barcelona tem nova reunião com De Jong
Próximo artigo:
Vanderlei à venda? Torcida do Santos compra briga para dar recado a Sampaoli
Próximo artigo:
Klopp comemora vitória apertada do Liverpool na Premier: "Estou muito feliz"
Próximo artigo:
Modric afasta saída do Real Madrid: "tenho mais um ano e meio de contrato"
Fechar