David Luiz 'balança' em início no Arsenal. O que acontece?

David Luiz Arsenal 2019/20
Em três jogos com os Gunners, zagueiro ainda não ganhou a confiança dos torcedores e falhou em clássicos contra Liverpool e Tottenham

O início de David Luiz no Arsenal não rendeu como o esperado... para ambas partes. Em três jogos com o clube inglês, foram duas derrotas e uma vitória, alguns elogios iniciais e críticas de sobra. O zagueiro, que era tido como uma das principais contratações da equipe para 2019-20, já vem sendo questionado pela imprensa local e pelos torcedores, o que levanta o questionamento: estaria David com dificuldades para se adaptar ao estilo ofensivo do treinador Unai Emery?

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste grátis o serviço por um mês!

Dois momentos foram determinantes para influenciar negativamente o atual momento do brasileiro no Arsenal: falhas ocorridas justamente contra Liverpool e Tottenham, grandes rivais dos Gunners na Premier League.

No segundo jogo com o Arsenal, David Luiz sofreu para marcar Mohamed Salah. Agarrou o egípcio dentro da área, cometendo pênalti (convertido pelo egípcio), e depois errou feio no bote dado com a intenção de desarmar o camisa 11 - que seguiu adiante, com o campo livre, antes de sacramentar o 3 a 1.

Contra os Spurs, no clássico do Norte de Londres, David Luiz foi driblado por Son, após um bote errado no lance que resultou no gol de Eriksen para o Tottenham. Apesar do 2 a 2 final, o brasileiro sofreu novas críticas.

David Luiz Arsenal 2019/20
(Foto: N/A)

Duas atuações abaixo da média e dois cartões amarelos. Este é o saldo de David Luiz no Arsenal até agora. Ainda que seja precoce avaliar o retrospecto do atleta nesta temporada, uma análise mais precisa dos últimos meses reflete, de certa forma, o momento atual.

A ausência na seleção brasileira é um dos pontos chaves da questão. Fora dos amistosos do Brasil contra Colômbia e Peru, em 06 e 11 de setembro respectivamente, David Luiz viu Samir, jogador da Udinese que teve breve passagem pelo Flamengo entre 2013 e 2015, ser chamado para uma posição que poderia ser sua.

Mudança tática no Arsenal

Outro fator determinante é a novidade de toda uma equipe nova. Sob o comando de Maurizio Sarri, no Chelsea, o brasileiro estava acostumado a jogar um futebol de mais posse de bola, com transições menos intensas do ataque para a defesa, o que naturalmente o favorecia. Ainda se entrosando com novos companheiros, a dificuldade inicial neste Arsenal de Emery também reflete um problema para evitar grandes erros em lances que exigem uma tomada de decisão mais rápida.

No Chelsea, onde virou ídolo até trocar de camisa diretamente para um rival, o zagueiro tinha a proteção de Kanté e Jorginho para ajudar na defesa. Agora, tem como “protetores” da zaga os jovens Mattéo Guendouzi e Anthony Willock.

Aos 32 anos, David Luiz terá tempo para se adequar ao Arsenal, mas até lá precisará conquistar a confiança de torcedores e da imprensa inglesa. Mesmo que tenha entrado em campo em apenas três jogos até o momento.

Fechar