Notícias Placares ao vivo
Lionel Messi

Daniel Alves revela como fazia para deixar Messi ligado no Barcelona

14:08 BRT 09/07/2019
Lionel Messi Dani Alves Barcelona Sevilla Supercup 11082015
Lateral direito conta que desobedecia o técnico Pep Guardiola para manter o craque argentino aceso por 90 minutos com as cores do Barcelona

Daniel Alves desobedecia Josep Guardiola no Barcelona com a intenção de manter Lionel Messi aceso em campo. O lateral direito concedeu entrevista ao canal SporTV e falou sobre o tema.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste grátis o serviço por um mês!

Campeão da Copa América 2019 pela seleção brasileira, o craque que deixou o Paris Saint-Germain nesta janela de transferências revelou que, durante a sua passagem pelo Barcelona, adotava um artifício para manter o amigo argentino ligado nas partidas.

"Já aconteceu isso uma vez com o Messi, vou te contar. Por exemplo, eu tocava muito um passe que o Guardiola não gosta. É o passe de lateral para o ponta. Este é um passe falso. A bola para o extremo, o ponta poder atacar sem perder a bola é do meio para a lateral e da lateral para o meio. Às vezes, eu tocava muito para o Messi esse passe", disse o jogador de 35 anos.

"O Guardiola reclamava comigo. Aí eu falava para ele: 'Mister, me desculpe, mas se o Messi passar dois minutos sem tocar na bola, ele se desconecta do jogo'. Como o Messi tinha que estar preparado para decidir um jogo para a gente, ele tem que ficar conectado no jogo. E eu mantinha ele conectado no jogo. O Guardiola disse que eu tinha razão", acrescentou.

Daniel Alves foi parceiro de Lionel Messi no Camp Nou entre 2008 e 2016. Neste período, ele ficou ao lado de Pep Guardiola por quatro temporadas. Juntos, eles venceram Copa del Rey, UEFA Champions League, Supercopa da UEFA e Mundial de Clubes da Fifa em duas oportunidades cada. O time ainda obteve três edições do Campeonato Espanhol e o mesmo número da Supercopa da Espanha.