Copa da Liga dá moral para jovens de Liverpool, City e brasileiros na Inglaterra

Comentários()
De Curtis James e Shaqiri, passando por Foden e chegando até a Bernard e Joelinton: o mata-mata inglês menos valorizado serviu para elevar a confiança

A Copa da Liga Inglesa é a competição menos importante do extenuante calendário de futebol para as equipes do futebol inglês: não tem a tradição da FA Cup, o torneio mais antigo do mundo ainda em disputa, e os campeonatos em pontos corridos das várias divisões na Terra da Rainha são vistos como prioridade por quem está na disputa. É por isso que geralmente os clubes mais fortes do país aproveitam as primeiras fases da competição para escalar atletas mais jovens ou os que não vivem seu melhor momento. Ou seja: é uma chance para ganhar moral e mostrar trabalho.

Quer ver a Premier League ao vivo? Clique aqui e teste o DAZN grátis por um mês!

Foi o que aconteceu para considerável número de jogadores das equipes da Premier League, a primeira divisão, nos duelos realizados pela terceira fase da Copa da Liga durante a semana. Jovens com expectativa de carreiras promissoras, contratações novas e até mesmo nomes mais conhecidos que vinham em baixa fizeram bom proveito das partidas contra times tecnicamente mais modestos e não desperdiçaram as oportunidades de puxarem para si – e seus clubes – assuntos e avaliações positivas.

Na vitória por 7 a 2 do Liverpool sobre o Lincoln City, nesta quinta-feira (24), por exemplo, os grandes destaques foram Takumi Minamino e Curtis Jones. Contratação feita na metade da última temporada, e ainda sem ter o status de titular, o primeiro marcou dois gols e ainda deu uma assistência; Jones, por outro lado, mostrou por que é visto como futuro herdeiro de Jordan Henderson e também estufou as em duas ocasiões.

Além do japonês e da promessa de apenas 19 anos, o volante Marko Grujic, com passagem pela base do Liverpool e que retornou ao clube após período emprestado ao Hertha Berlin, marcou seu primeiro gol com a camisa dos Reds. Shaqiri e Origi, estes mais famosos mas não-titulares na formação ideal de Klopp, também balançaram as redes.

Foden segue a brilhar pelo City

Foden Sterling Manchester City 2020 (Foto: Getty Images)

Na vitória por 2 a 1 do Manchester City sobre o Bournemouth, também nesta quinta, Phil Foden foi o grande protagonista. Aos 20 anos e visto como um dos jogadores mais promissores de sua geração, o meia deu uma assistência e também guardou o seu gol. Se na temporada passada o xodó de Pep Guardiola ganhou de vez um lugar importante no time, a atual campanha anuncia a expectativa de mais uma etapa a ser completa em seu desenvolvimento. Um dia antes, Thiago Silva estreou com o pé direito nos 5 a 0 do Chelsea sobre o Barnsley e Kai Havertz, principal contratação dos Blues para a temporada, fez o primeiro hat-trick de sua carreira.

Brasileiros em baixa também aproveitam

Bernard, Everton 2020-21 (Foto: Getty Images)

Quem também soube tirar bom proveito dos jogos válidos pela Copa da Liga foram Bernard, do Everton, e Joelinton, do Newcastle. Ambos vêm de temporadas em que não conseguiram convencer, mas ganharam um novo fôlego com as vitórias de suas equipes.

Bernard foi titular pelos Toffees nos 5 a 2 sobre o Fleetwood Town, quarta-feira (23), e foi destaque com gol e assistência – o italiano Moise Kean, de quem muito se espera, também deixou o seu em outro jogo marcado pela boa exibição de Richarlison. Pelo Newcastle, o contestado Joelinton pela primeira vez marcou dois gols em uma única partida pelos Magpies, que golearam o Morecambe por 7 a 0.

Embora a Copa da Liga não seja o mais empolgante dos torneios, especialmente em seu início, ao menos dá aos jogadores que buscam conquistar espaço em suas equipes uma chance de se provarem.

Fechar