Confira as curiosidades dos principais jogos da 3ª rodada de La Liga

Comentários()
Getty Images
Invencível em casa, jogador em fase artilheira, visitante que fez o estádio rival se tornar "salão de festas", entre outros fatos peculiares

A terceira rodada de La Liga terá seu início na próxima sexta-feira (31), com os jogos entre Getafe e Valladolid, Villareal e Girona e Eibar e Real Sociedad e termina no domingo (2) com outros quatro confrontos. Algumas equipes possuem fatos e histórias peculiares em cada um dos duelos. Saiba as principais curiosidades dos encontros mais importantes dessa jornada do Campeonato Espanhol.

No sábado (1), às 13h45 (de Brasília), o Celta de Vigo recebe o Atlético de Madrid. O time colchonero se mostrou um visitante indigesto para a agremiação da região da Galícia. Nas últimas três vezes que os times jogaram no Estádio dos Balaídos, os comandados de Diego Simeone levaram a melhor com três vitórias, sete gols marcados e nenhum sofrido. Além disso, nos últimos seis encontros pela liga, a equipe de Vigo não conseguiu sequer um empate e não foi às redes em cinco oportunidades.

Sergi Gomez Atletico Madrid Celta Vigo La Liga
Diego Costa não vai às redes há 11 jogos em La Liga, sua pior sequência desde o período entre outubro de 2010 e março de 2011 (Foto: Getty Images)

Também no sábado, às 15h45, o Real Madrid vai até Leganés, onde enfrenta o time da cidade vizinha aos merengues. Mesmo vencendo os quatro jogos que fizeram até então por La Liga contra os pepineros, os madrilenhos não tiveram a meta vazada em apenas um confronto. O camisa 9 da equipe comandada por Julen Lopetegui, Karim Benzema, tem uma meta particular a cumprir. De todas as 33 equipes que já encarou desde a sua chegada ao time espanhol, o francês não conseguiu estufar as redes justamente contra o Leganés. Na rodada passada ele também tinha a "seca" estabelecida diante do Girona, mas superou o goleiro adversário.

Já no domingo, às 13h30, o Barcelona encara o Huesca no Camp Nou, e possui boas lembranças do adversário. Nas duas vezes em que os dois times se enfrentaram, pela Copa do Rei de 2014, os blaugranas garantiram a vitória de maneira tranquila, de modo que fizeram 12 gols e cederam apenas um ao adversário. Os visitantes precisam se inspirar no passado para fazer história pois, desde 1960, apenas o Villareal, em 1998 e o Málaga, em 1999, conseguiram superar o time na primeira vez que se encontraram, justamente no palco do jogo. No entanto, isso seria um feito icônico, uma vez que o time catalão não perde em seus domínios por La Liga desde a terceira rodada da temporada 2016/2017, quando caiu diante do Alavés. Desde então, foram 31 vitórias e seis empates.

Para fechar a jornada, às 15h45, Real Betis recebe o Sevilla no Estádio Benito Villamarín, pelo derby sevillano. São 128 encontros no geral, com 59 triunfos dos rojiblancos, 38 dos verdiblancos e 31 placares iguais. A desvantagem do time da casa fica evidente quando se fala apenas de La Liga. Nos últimos nove jogos, os visitantes venceram três vezes e empataram outras seis, além de não vencer os últimos cinco confrontos ao todo pelo campeonato. A má fase dos mandantes também é perceptível na seca de gols: em dois jogos, foram 34 chutes, 13 deles a gol, porém não empurraram nenhuma bola nas redes adversárias, enquanto o Sevilla é quem mais finalizou nas metas adversárias (36 vezes) e tem o jogador que mais tentou remates (10).

Fechar