Notícias Placares ao vivo
Premier League

Sozinho, Neymar custou quase o total de comissões de transferências da Premier League

20:25 BRT 04/04/2018
Neymar PSG Reveal 080517
O bilionário campeonato da Inglaterra gastou mais de R$ 1 bilhão com representantes envolvidos em transferências

Os clubes da Premier League gastaram 211 milhões de libras (241 milhões de euros à época, ou R$ 993 milhões) - mais do que o custo da assinatura de Neymar para o PSG (900 milhões de reais) - para pagamento aos agentes dos jogadores que movimentaram o mercado de transferências durante a temporada de 2017/18.

De acordo com um relatório da rede de televisão britânica  BBC , feito a partir dos dados registrados na Associação de Futebol Inglês (FA), os clubes das cinco principais categorias de futebol Inglês deixaram 257 milhões de libras (R$ 1,3 bilhão) nas contas de representantes dos atletas que estavam envolvidos em transferências entre 1 de fevereiro de 2017 e 31 de janeiro de 2018.

Poucos sabem o quanto o mercado de transferência do futebol é lucrativo em todo o mundo, tornando a Premier League a competição mais poderosa, graças às receitas de televisão gerenciadas por seus clubes. As equipes da Liga Inglesa lucraram quase 2 bilhões de libras (R$ 9,1 billhões) em  direitos televisivos.


(Foto: Getty Images)

Nesse grande negócio, os representantes recebem uma boa parte do trabalho de intermediação entre clubes e jogadores. Na verdade, esses R$ 1,3 bilhão em comissões representam um aumento de 37 milhões em relação ao ano anterior. No caso da Premier League, o aumento das comissões em 2016/17 representou 38% a mais.

A equipe do Premier que mais pagou comissões aos agentes no mercado entre 2017/18 foi o Chelsea, com 30,7 milhões de euros – aproximadamente R$ 126 milhões.

Enquanto os clubes do Championship gastaram R$ 199 milhões em contratações, a League One investiu R$ 17 milhões e a League Two, R$ 5 milhões, enquanto a Liga Nacional investiu R$ 900 mil.