Chelsea: Irritação de Sarri não teve nada a ver com David Luiz ou Higuaín

Comentários()
Getty
O treinador chegou e jogar o boné para cima, de tanta irritação durante os treinos, mas o motivo teria sido não conseguir praticar bolas paradas

É difícil entender o que acontece nos bastidores do Chelsea, mas não há dúvidas de que é no mínimo interessante e até mesmo cômico. Nesta terça-feira (28), durante uma das atividades realizadas em Baku, no Azerbaijão, onde os Blues enfrentam o Arsenal na final da Europa League, um desentendimento entre David Luiz e Gonzalo Higuaín teria tirado o técnico Maurizio Sarri do sério.

Poucos reparariam no entrevero entre o zagueiro brasileiro e o atacante argentino, até porque eles costumeiramente se dão bem e até brincaram durante a atividade. Mas a reação de Sarri, visivelmente irritado com a troca de xingamentos entre seus atletas, chamou a atenção: o comandante fez caras e boas e, por fim, pegou o seu boné e atirou para o alto. Horas depois, um porta-voz do Chelsea deu uma outra versão para o acontecido.

“A frustração de Maurizio, no final do treino, não teve relação com nenhum de seus jogadores, mas foi por não ter conseguido treinar jogadas de bola parada nos 15 minutos finais do treino de uma hora que ficou aberto à imprensa”, afirmou. A explicação ajuda a entender como Sarri chegou tão amoroso, digamos assim, para falar a respeito de seus comandados.

“No início da temporada, achei muito difícil entender os meus jogadores e a mentalidade deles”, disse. “Mas, depois de um mês muito difícil em janeiro, em fevereiro nós começamos a mudar, acho. Ou provavelmente eu mudei, não sei”.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste o serviço por um mês grátis!

“Neste momento, amo eles porque tenho 20, 22 homens maravilhosos e jogadores maravilhosos. Então hoje eu estou muito feliz com eles. E, claro, tenho que levar isso em consideração para o futuro”, destacou o italiano, que deixou em aberto a sua situação enquanto é especulado na Juventus.

“Eu quero pensar apenas na final. E aí eu tenho o meu contrato com o Chelsea por dois anos. Então, em primeiro lugar, vou falar com o Chelsea. Os meus jogadores precisam que eu fale somente sobre a final”.

Rivais londrinos, Chelsea e Arsenal disputam às 16h desta quarta-feira (29) o segundo título mais importante do futebol de clubes da Europa.

Fechar