Chelsea estuda três alternativas para possível demissão de Sarri, diz jornal

Comentários()
Laurence Griffiths
Clube londrino é conhecido por não dar muito tempo aos treinadores diante de uma crise e a goleada sofrida para o City pode derrubar Sarri do cargo

O Chelsea sofreu a maior derrota desde o começo da era Premier League, em 1992. A goleada imposta pelo Manchester City sobre os Blues por 6 a 0, deixou as coisas difíceis no Stamford Bridge. Ao final da partida, Maurizio Sarri ignorou Pep Guardiola no tradicional cumprimento entre os dois técnicos após o apito que decreta o fim do jogo.

O Chelsea perdeu as três últimas partidas que fez fora de casa. Sofreu 12 gols (2 para o Arsenal, 4 para o Bournemouth e 6 para o Manchester City) e não marcou nenhum gol. A humilhação sofrida para o City fez com que a situação de Sarri ficasse bastante delicada no comando do clube, por isso, de acordo com o jornal As, o Chelsea trabalha com três nomes para substituir Sarri.

As três ideias do time londrino são: Diego Simeone, Gianfranco Zola e Frank Lampard.

Simeone tem a situação mais difícil já que é considerado um verdadeiro ídolo no Atlético de Madrid e foi responsável direto pela mudança de patamar da equipe espanhola.

Diego Simeone Champions League

Já Gianfranco Zola e Frank Lampard são opções mais realísticas e "caseiras". Os dois são lendários ex-jogadores dos Blues. O primeiro faz parte da comissão técnica de Maurizio Sarri no clube. Seria uma opção viável se Zola assumisse como técnico interino e conduzisse até o fim da temporada.

Gianfranco Zola and Frank Lampard(Fotos: Getty Images)

Lampard, por outro lado, está treinando o Derby County, da segunda divisão inglesa. Os Rams estão em sétimo lugar no certame e foram responsáveis pela eliminação do Manchester United na Carabao Cup, em pleno Old Trafford.

Fechar