Cássio não demonstra abatimento por ausência na Seleção: “normal”

Comentários()
Alexandre Schneider/Getty Images
Goleiro também disse que será reavaliado por conta das dores que sentiu no quadril na vitória sobre o Deportivo Lara

Ausente da lista de convocados do pelo técnico Tite para os amistosos contra a Rússia, em 23 de março, e Alemanha, no dia 27, o goleiro Cássio não demonstrou abatimento pela situação. O goleiro do Corinthians vinha sendo chamado, mas desta vez foi preterido por Neto, do Valencia.

“É normal, às vezes a gente é convocado, às vezes não é. É continuar o trabalho. Venho tendo um bom início de temporada, a gente vem de um gol (sofrido) nos últimos seis jogos, a equipe tem um padrão... Tenho muito respeito aos convocados. É opção do Tite, do treinador”, afirmou o goleiro, que ainda falou sobre a volta do companheiro Fagner a equipe canarinha.

“Fiquei feliz pelo Fagner. É um cara que algumas pessoas vinham pegando pesado com ele, dizendo que ele é um jogador maldoso. Muito pelo contrário. Ele chega firme e, infelizmente, às vezes acaba tendo algum problema, alguma lesão, mas ele não é maldoso, para mim é referência como pessoa e como atleta. Fiquei feliz, ele vem trabalhando bem e merece. Comigo, o que pode me levar à Seleção é meu trabalho no Corinthians. A próxima já é Copa”, ressaltou.

Cassio Ramos Brasil treino 28082017
(Foto: Pedro Martins/Mowa Press)

Em relação as dores que sentiu no quadril após choque com o adversário na vitória do Corinthians por 2 a 0 sobre o Deportivo Lara, o goleiro disse que será reavaliado nesta quinta-feira (15), mas fez questão de já tranquilizar a Fiel quanto a sua participação domingo (18), contra o Bragantino, às 16h (de Brasília), no Pacaembu, pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paulista.

“Eu me choquei na hora que saí do gol. Ficou dolorido o quadril para bater tiro de meta. Estou com um pouco de dor, fiz gelo. Podia ter saído, mas é difícil também colocar o Caíque num jogo assim, entrar no decorrer do jogo. Fiz tratamento, fui medicado e amanhã vou ser reavaliado, mas foi mais a pancada do jogo. É uma área ruim, que fica dolorida, mas não devo ser problema”, finalizou.

Próximo artigo:
Santos no Mercado: Quem chega, quem sai e quais as prioridades para 2019?
Próximo artigo:
Corinthians no Mercado: Quem chega, quem sai e quais as prioridades para 2019?
Próximo artigo:
Mercado: Atlético Nacional confirma venda de Felipe Aguilar para o Santos
Próximo artigo:
Mercado de transferências: Os últimos rumores de Barcelona, Real Madrid, PSG e todos os grandes clubes
Próximo artigo:
Trauco pode trocar o Flamengo pelo Sevilla, informa jornal
Fechar