Boselli jogou com Tevez, argentino de maior sucesso no Corinthians, e quer usar “17 da sorte” assim como Herrera

Comentários()
Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Atacante é o 13º jogador do país vizinho a vestir a camisa do Timão; dois sequer entraram em campo com a camisa do clube

Anunciado nesta sexta-feira (4) como novo reforço do Corinthians, Mauro Boselli será o 13º jogador argentino a vestir a camisa do clube alvinegro na história.

Com contrato de dois anos e a possibilidade de renovação por mais uma temporada, o atacante chega com a missão de ser o artilheiro que o clube vem buscando no mercado desde a saída de Jô em dezembro de 2017.

Contente com a chegada de Boselli, a torcida do Corinthians sonha em ver o argentino repetindo o sucesso que outro argentino teve no clube no passado: Carlitos Tevez


Boselli jogou com ídolo do Timão no Boca


Tevez - Corinthians
(Foto: MAURICIO LIMA/AFP/Getty Images)

Aos 33 anos, Boselli acumula na sua carreira, além do sucesso nos últimos anos no León, do México, com o fato de ter atuado no início da sua trajetória como profissional no Boca Juniors junto com Carlitos Tevez, que é até hoje o argentino de maior sucesso que defendeu o Timão.

Juntos, os dois foram campeões da Copa Sul-Americana de 2004 pelo clube Xeneize. No ano seguinte, Tevez chegou ao Corinthians e foi o grande destaque da conquista do tetracampeonato brasileiro de 2005, sendo eleito ainda o craque da competição.

Entre 2005 e 2006, Tevez disputou 78 jogos e marcou 46 gols com a camisa do Corinthians.


17 da sorte


Herrera Corinthians
(Foto: © Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians / Divulgação)

Por onde passa, Boselli tem o costume de utilizar a camisa 17, que é o seu número da sorte e que no Corinthians já teve um argentino como dono.

Em 2008, Herrera ganhou destaque e o carinho de boa parte da torcida por sua dedicação e também por boas atuações no ano em que o clube disputou a Série B do Brasileirão.

Ao todo, Herrera disputou 59 jogos pelo Corinthians e marcou 22 gols. Apesar dos bons números, acabou não seguindo no Timão em 2009.


13º argentino no Corinthians


Juan Martínez - Corinthians - 27/10/2012
(Foto: © Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Além dos já citados Tevez e Herrera, o Corinthians teve em sua história outros 10 jogadores que vestiram a camisa do clube, mas dois deles sequer atuaram: Mariano Torres, que foi emprestado para outros times brasileiros, e Emiliano Vecchio, que, assim que chegou, foi repassado ao Barueri. Ambos os casos aconteceram em 2009.

O primeiro jogador argentino a jogar no Corinthians foi o goleiro Buttice, que atuou em 14 jogos em 1974. Dois anos depois, Héctor Veira, um dos maiores ídolos do San Lorenzo, vestiu a camisa do clube do Parque São Jorge e disputou 20 partidas.

Após um longo período sem argentinos, Fernando Ávalos foi contratado em 2000, mas defendeu o Corinthians em apenas seis jogos. Em 2005, além de Carlitos Tevez, outros dois argentinos defenderam o Timão: Javier Mascherano e Sebá Dominguez.

Sergio Escudero (2009/10), Matías Defederico (2009/10) e Juan Manuel Martínez (2012) foram os outros argentinos que atuaram pelo Corinthians.

NOME/POSIÇÃO PERÍODO JOGOS GOLS
Buttice (goleiro) 1974 14 -
Héctor Veira (meia) 1976/1977 20 4
Fernando Ávalos (zagueiro) 2000/01 6 0
Carlitos Tevez (atacante) 2005/06 78 46
Javier Mascherano (volante) 2005/06 26 0
Sebá Dominguez (zagueiro) 2005/06 40 1
Herrera (atacante) 2008 59 22
Sergio Escudero (lateral-esquerdo) 2009/10 13 0
Matias Defederico (meia) 2009/10 40 3
Mariano Torres (meia) 2009 0 0
Emiliano Vecchio (meia) 2009 0 0
Juan Manuel Martínez (atacante) 2012 19 2

Fechar