Bayern terá que atingir a perfeição para eliminar o Real Madrid na Champions

Comentários()
Getty Images
O que esperar para o jogo de volta, depois da vitória por 2 a 1 dos espanhóis em Munique?

Header Tauan Ambrosio

O confronto entre os gigantes que mais vezes chegaram na fase semifinal da Champions League começou com pegada de grande decisão, o Bayern abriu o placar e a impressão era a de que construiria a sua vitória. Mas perdeu chances demais, enquanto o Real Madrid empatou e conseguiu a virada mesmo sem ter uma grande atuação.

Foi a sexta vitória consecutiva dos espanhóis sobre o gigante bávaro, a maior sequência de triunfos contra um adversário dentro da competição – igualando a marca obtida contra o Ajax, entre 2010 e 2012. Um resultado que deixou ainda mais claro para quem tinha dificuldades de entender: não importa o quão bom seja o time, cometer erros contra o Real Madrid é quase sempre fatal.

Para avançar à grande decisão, o Bayern precisa fazer no mínimo dois gols nesta terça-feira (1º), dentro do Santiago Bernabéu. Mesmo se vencer por 1 a 0, o Real Madrid garante vaga para a sua terceira final seguida. É claro que nada é impossível, mas o cenário coloca um peso maior nos gols desperdiçados e, principalmente, na falha defensiva de Rafinha, que originou o gol da vitória madridista.

GFX Bayern Real MadridBayern não aproveitou a sua superioridade em casa na ida

É claro que podemos esperar emoção e um jogo extremamente equilibrado neste Dia do Trabalhador. Mas como os times deverão se comportar em campo? Na teoria, o cenário seria um Real Madrid mais recuado, aproveitando os contra-ataques e segurando as investidas do Bayern. Prevalecendo a vantagem dos espanhóis até os minutos finais, provavelmente será assim.

GFX Bayern Real MadridGrande equilíbrio nesta Champions League

Mesmo com a vantagem, não se impressione caso o Real Madrid tiver até mais posse de bola. Contra a Juventus, mesmo nos principais momentos do time italiano, que abriu 3 a 0 no Bernabéu, os comandados de Zidane dominaram em passes [61.6% contra 38.4%]... e na média desta Champions também trocam mais passes do que o Bayern [609 passes/jogo contra 579 dos bávaros].

O atual campeão da Alemanha é um time que chega mais vezes ao ataque, mas não acerta tanto as finalizações quanto o Real Madrid. Em contrapartida, sofreu menos gols em média na atual campanha europeia: isso deve mudar no Bernabéu, já que provavelmente vai ceder mais espaços na defesa enquanto estiver buscando os gols que precisa para seguir adiante.

Também dá para imaginar um jogo muito centrado na batalha pelo meio-campo, assim como aconteceu quarta-feira (25), com as equipes se espelhando no 4-1-4-1.

Cristiano Ronaldo Bayern Real Madrid Champions League 25 04 2018(Foto: Getty Images)

A Juventus demonstrou que é possível castigar as redes de Keylor Navas na capital espanhola... mas se quiser chegar em Kiev, os alemães não poderão cometer erros: precisam de um jogo 100% perfeito. E isso inclui impedir, de alguma forma, a efetividade de Cristiano Ronaldo. O português dificilmente será tão inoperante, em casa, quanto foi na Allianz Arena.

Fechar