Bale desafia o Real: "Se querem que eu vá, é só pagar R$ 77 milhões por ano"

Comentários()
Getty Images
Galês tem sido alvo de muitas polêmicas nos últimos dias e deve estar vivendo seus últimos dias com a camisa dos Blancos

Gareth Bale vive dias decisivos no Real Madrid. Após ser deixado no banco de reservas no que poderia ter sido sua última atuação no Santiago Bernabéu com a camisa do time de Madri e ter sido flagrado rindo durante a derrota da sua equipe, o atacante galês teria dito duras palavras no vestiário.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste o serviço por um mês grátis!

"Tenho três anos de contrato. Se eles querem que eu saia, que me paguem 17 milhões [cerca de R$ 77 milhões] por temporada. Se não fizerem isso, eu fico aqui. E se tiver que jogar golfe, eu jogo", teria falado Bale de acordo com a Radioestado.

Com o final de temporada melancólico do Real Madrid, Bale é um dos preferidos para a 'barca de saída' da equipe. Florentino Pérez conta com o dinheiro da venda do atleta para contratar outros jogadores, com a intenção de reformular o elenco. O problema é que, de acordo com essas palavras ditas no fim de semana, Bale não parece disposto a abrir mão de seu salário. E se tiver que receber sem jogar, o fará.

Durante a derrota para o Betis, no último domingo (19), Bale e Toni Kroos foram flagrados rindo no banco de reservas e a cena acabou pegando mal. Mas apenas para o camisa 11, pois Kroos teve seu contrato renovado por mais quatro anos com a equipe madridista. O acordo do meia alemão foi anunciado nesta segunda-feira (20).

 

Fechar