Após lesão de Neymar, Tite adia convocação da Seleção Brasileira

Comentários()
Pedro Martins/MoWa Press
Lista que sairia no nesta sexta-feira(2), será divulgada apenas no dia 12 de março, dez dias depois

A última lista antes de definir os 23 nomes que defenderão o Brasil na Copa do Mundo da Rússia é tão importante que a comissão técnica da Seleção Brasileira fez questão de adiar a convocação para os amistosos contra Rússia e Alemanha, no final de março. 

Marcada para esta sexta-feira(2), a convocação foi adiata e só acontecerá no dia 12 de março. Segundo Edu Gaspar, coordenador técnico da Canarinho, afirmou que a medida foi tomada devido à necessidade deum tempo maior para observação de atletas clinicamente impossibilitados de atuar neste momento.

Edu Gaspar
(Foto: Raísa Simplicio / Brasil Global Tour)

"Temos uma situação diferente de outras convocações. São pelo menos cinco jogadores que necessitam de uma observação médica e física mais elaborada, para que possamos convocar embasados e com as informações necessárias".

Além do fato de poder acompanhar melhor a situação desses atletas, a comissão técnica também poderá ampliar as suas observações.

Mais artigos abaixo

"Transferindo a data iremos ganhar de dois a três jogos de cada atleta observado para nossa avaliação. Como sempre, buscaremos o máximo de informações possíveis para uma convocação sem grandes problemas", finalizou Edu Gaspar.

2018-02-27 Neymar PSG
(Foto: Getty Images)

Vale lembrar que nesta semana, Neymar deu um susto grande ao sair de campo chorando após machucar o tornozelo diante do Olympique de Marseille, pelo Campeonato Francês. A situação do craque brasileiro ainda é indefinida, mas há grande possibilidade de perder o duelo contra o Real Madrid, pelo jogo da volta das oitavas de final da Champions League. 

O Brasil entra em campo contra a Rússia no dia 23 de março, em Moscou, cinco dias depois encara a Alemanha, em Berlim, nos amistosos Brasil Global Tour, que fazem parte da preparação da equipe para o mundial. 

Próximo artigo:
Marta se emociona ao falar de legado e se põe na mesma posição que Messi
Próximo artigo:
Diego acerta permanência no Flamengo até dezembro de 2020, afirma portal
Próximo artigo:
Antes de assinar com Barça, Boateng já apontava Rivaldo como seu ídolo, Messi como extraterrestre, mas preferência pela camisa do Real Madrid
Próximo artigo:
Corinthians renova com Cássio e Fagner até o fim de 2022
Próximo artigo:
Paquetá se destaca na vitória do Milan
Fechar