Após derrota da Argentina, Maradona relembra números e diz: "Quero voltar"

Comentários()
Getty
Hermano mostra incômodo com novo tropeço da Albiceleste

Após a classificação para a Copa do Mundo na última rodada das eliminatórias sul-americanas, a Argentina voltou a decepcionar e perdeu para a Nigéria em amistoso disputado nesta terça-feira (14), na Rússia. E Diego Armando Maradona aproveitou a ocasião para relembrar seu números quando era comandante dos hermanos e disse: "quero voltar".

Após o jogo, Maradona usou de sua conta do Instagram para mostrar estatísticas dos treinadores da Argentina desde 1974, e fez questão de mostrar que, entre todos, foi o que teve mais êxito.

"Quem ganhou mais? Tiremos nossas conclusões, estou esquentado porque tiram o nosso prestígio, mas os jogadores não têm culpa. Eu quero voltar", escreveu Maradona, como legenda de uma tabela.

Mais artigos abaixo

Maradona comandou a Argentina durante quase dois anos, entre novembro de 2008 e julho de 2010. Na Copa do Mundo da África do Sul, foi eliminado pela Alemanha ao ser goleado por 4 a 0.

Fechar