Após Coutinho e Mina, está na hora do Barcelona pensar em quem terá que ir embora

Comentários()
Getty Images
Com um elenco inchado de jogadores, a equipe catalã sabe que vai perder alguns nomes: confira alguns que podem deixar o Camp Nou

No início da temporada, ainda sob o impacto da saída de Neymar, a avaliação geral era de que o elenco do Barcelona estava muito fragilizado. Cerca de seis meses depois, a realidade é outra no Camp Nou.

A chegada de Philippe Coutinho, com valor recorde na história do clube catalão, deixou isso claro, assim como a provável incorporação do zagueiro Yerry Mina, do Palmeiras, para ocupar um lugar na defesa culé. E se antes o Barça buscava jogadores, no atual momento se vê com um elenco inchado.

Ou seja: a agora é de acertar a saída de alguns jogadores, muitos deles com situações encaminhadas ou que, nos últimos meses, não conseguiram emplacar um bom futebol por diferentes razões.

Próximos do adeus

Javier Mascherano BarcelonaMascherano vai para o futebol chinês (Foto: Getty Images)

Javier Mascherano: o argentino está em sua oitava temporada pelo Barça, onde colecionou títulos e virou ídolo. Mas, aos 33 anos, já não vem sendo escalado como antes e acertou uma ida para o futebol chinês, onde terá mais minutos pensando na Copa do Mundo.

Arda Turan: a saída do meio-campista turco, que chegou repleto de expectativas em 2015 após demonstrar um ótimo futebol no Atlético de Madrid, parece questão de tempo. No entanto, o jogador pretende cumprir com o seu contrato caso não receba uma proposta de algum outro grande clube.

Aleix Vidal: o lateral passou a ser mais utilizado sob o comando de Ernesto Valverde, mas ainda assim não conseguiu se estabilizar como titular. A vontade do jogador catalão é de retornar ao Sevilla, onde teve sucesso nos anos anteriores. Um acordo entre os clubes estaria próximo.

Situações indefinidas

Rafinha Barcelona 2016-17Rafinha se recupera de lesão (Foto: Getty Images)

Deulofeu: jogador revelado pela base do Barça, teve algumas oportunidades no período de lesão de Ousmane Dembélé. Mas não agradou. Desperta interesse de clubes italianos.

André Gomes: o português não conseguiu o seu espaço, mas o Barcelona não aceitou negociar o jogador pela falta de outras opções no meio-campo. Agora com a chegada de Coutinho, o luso está a espera de outras propostas.

Rafinha: o brasileiro foi atrapalhado por uma lesão que não lhe deu tempo de jogo, mas quer saber o plano de Valverde em relação ao seu futuro no clube antes de tomar uma decisão. No início do ano esteve perto de um acerto com o Arsenal, e interessa a outras diversas equipes europeias.

Fechar