Antes de pior série do turno, Fla se divide entre Brasileiro e Sul-Americana

Comentários()
Gilvan de Souza/Flamengo/Divulgação
No turno, Flamengo fez seis em 18 pontos possíveis. Agora, equipe precisa de rendimento melhor para ir à Libertadores sem depender da Sul-Americana

A dúvida paira na cabeça do torcedor e também dos profissionais do Flamengo. Será possível perder a vaga na edição seguinte da Copa Libertadores da América?

O Rubro-Negro Carioca tem duas alternativas: classificar-se pelo Brasileirão ou vencer a Copa Sul-Americana. E outra pergunta vem à tona. Qual a melhor opção?

Na semifinal do torneio continental, o Fla enfrentará o Junior Barranquilla, da Colômbia, em 23 e 30 de novembro. Caso avance, terá Libertad, do Paraguai, ou Independiente, da Argentina, na decisão.

Sétimo colocado do Brasileirão, com 47 pontos, o Flamengo é o último time na zona de classificação da Libertadores, com dois pontos de vantagem em relação ao Vasco da Gama, oitavo.

O problema é que, a seis rodadas do fim, o Rubro-Negro Carioca não se esquece do que houve no primeiro turno. Na ocasião, o time venceu somente uma partida - contra o Coritiba - empatou outras três - Cruzeiro, Palmeiras e Corinthians - e perdeu duas - Santos e Vitória. O péssimo desempenho culminou na demissão de Zé Ricardo inclusive.

Reinaldo Rueda Flamengo Vasco Brasileirão 28 10 2017
(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Reinaldo Rueda terá a incumbência de escolher nas rodadas finais do Brasileirão e nos últimos duelos da Sul-Americana a prioridade do Flamengo. A escolha será dele e de sua comissão técnica, mas o objetivo é claro: levar o clube de volta à Copa Libertadores da América.

Próximo artigo:
Futebol na TV: confira a programação de quinta-feira, 24 de janeiro
Próximo artigo:
Palmeiras 1 x 0 Botafogo-SP: Verdão tem vitória magra em sua Arena
Próximo artigo:
Lesão de Neymar deixa técnico do PSG em alerta: "estou preocupado"
Próximo artigo:
“Ausência de Messi não é desculpa”, diz Suárez após derrota
Próximo artigo:
Resende 1x1 Flamengo: Dourado rouba a cena com golaço
Fechar