Antes de confronto decisivo, Klopp prega humildade: "City é o melhor time do mundo"

Comentários()
O treinador do Liverpool falou sobre o “jogo de seis pontos” marcado para esta quinta-feira (03)

O Liverpool de Jurgen Klopp lidera a Premier League inglesa com invencibilidade após 20 rodadas e faz a sua melhor campanha considerando o número de partidas disputadas. Na comparação com o título conquistado em 1990, o último dos Reds no principal certame do país, é uma caminhada muito superior após duas dezenas de compromissos.

Mesmo assim, Klopp considera o Manchester City favorito para vencer o “jogo de seis pontos” entre as equipes, nesta quinta-feira (03), pela 21ª rodada da Premier League. A equipe comandada por Pep Guardiola ocupa a terceira posição, com sete pontos a menos em relação aos líderes e jogará em casa. Uma vitória deixaria os atuais campeões a quatro pontos dos Reds, enquanto uma derrota representaria um baque na luta para defender o título.

“É um jogo normal contra o Manchester City, muito difícil. É um dos jogos mais difíceis que você pode jogar no mundo do futebol moderno. Nós sentimos isso muitas vezes. Eles são um time muito forte com um treinador excelente. Temos que estar preparados da melhor maneira possível”, afirmou Jurgen Klopp em entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (02).

“Temos de ser corajosos e estar cheios de apetite, com raiva, assim como em todos os outros jogos. Mas tendo o conhecimento de que o adversário é, para mim, o melhor time do mundo”, destacou o alemão. A curiosidade é que, do outro lado, Pep Guardiola também disse o mesmo sobre o Liverpool.

“Eu ouvi. Ele disse ‘no momento’. Não tenho certeza se algum time teve o nosso retrospecto em dezembro, estamos numa grande fase, com 100% de aproveitamento. E somos um time muito, muito, muito bom também. É por isso que temos essa quantidade de pontos, é por isso que tivemos os resultados, isso está 100% claro. Mas nos preparamos para um jogo”, garantiu.

“Eu diria que eles são o melhor time do mundo se ninguém me perguntasse? Não. Mas nós falamos sobre isso. Então parece que temos que ir lá e estamos mais propensos a ganhar o jogo do que eles, e isso não é verdade. Há algumas semanas estávamos atrás na tabela. É só conversa, não tem nada a ver com a realidade. Uma grande parte do mundo do futebol está falando sobre isso antes que aconteça, mas nós estaremos lá para fazer acontecer. Estamos num estado de espírito normal e muito entusiasmado porque é um jogo muito interessante, difícil, mas interessante. Estamos ansiosos por isso. Mas, fora isso, é uma situação normal”.

Próximo artigo:
Corinthians no Mercado: Quem chega, quem sai e quais as prioridades para 2019?
Próximo artigo:
Torcida do Vasco inunda internet de xingamentos a Dedé após vitória sobre o Volta Redonda
Próximo artigo:
Flamengo no Mercado: Quem chega, quem sai e quais as prioridades para 2019?
Próximo artigo:
FIFA 19: Vinícius Junior, Arthur e Militão listados nas Estrelas do Futuro do Ultimate Team
Próximo artigo:
Iniciando sua quinta temporada no Palmeiras, Dudu reencontra adversário de sua estreia com status de ídolo
Fechar