A história poderia ter sido diferente: Alex Ferguson quase foi técnico do Tottenham

Comentários()
Getty Images
Dois anos antes de assumir o Manchester United, lendário treinador escocês acertou com os Spurs, mas acabou não indo para Londres

Um dos melhores treinadores da história do futebol, Sir Alex Ferguson viveu um conto de fadas no Manchester United. Em uma das parcerias mais espetaculares e vencedoras de todos os tempos, o escocês ficou 26 anos nos Red Devils, onde conquistou 38 títulos, entre eles, 13 vezes a Premier League, duas vezes a Champions League e duas vezes o Mundial de Clubes.

No entanto, a história poderia ter sido diferente. Antes de se imortalizar no Manchester United, Alex Ferguson, então um já vencedor e brilhante técnico no Aberdeen, ficou muito próximo de trocar seu time na Escócia pelo Tottenham.

Os Spurs viviam um ciclo vitorioso, com um título da Copa da Uefa e dois da FA Cup no início da década de 1980, mas o então dono do clube, Irving Scholar, mesmo assim resolveu demitir o técnico Keith Burkinshaw para contratar Ferguson.

Ferguson Aberdeen 1983Ferguson nos tempos de Aberdeen (Foto: Getty Images)

O ex-dirigente revela que chegou até mesmo a apertar as mãos de Fergie e acertar o negócio, mas se viu em uma situação complicada quando o escocês rejeitou o contrato do Tottenham e a ida para Londres, alegando que suas demandas no vínculo de cinco temporadas não tinham sido feitas.

"A verdade é que eu conversei e negociei com Alex Ferguson sobre um acerto. Ele e eu tivemos longas e detalhadas discussões. Eu lhe disse que eu era um tipo velho de dirigente, que quando você acerta algo e aperta as mãos de alguém, é algo concreto", conta Scholar no livro White Hart Lane - The Spurs Glory Years.

"Quando você faz isso, você não pode, em nenhuma circunstância, voltar atrás. Já está fechado. Eu lhe disse isso na primeira vez que nos encontramos. Então, nós tínhamos essa grande coisa sobre o aperto de mãos", completa.

ALEX FERGUSON MANCHESTER UNITED 27021993

"Nós discutimos e negociamos o contrato. Ficou tudo certo e combinamos de nos encontrar em Paris, numa manhã de domingo. Nos encontramos e eu disse: 'você tem certeza de que está pronto?'. Ele disse: 'estou certo'. Então nós apertamos as mãos. Como você sabe, porém, infelizmente ele não manteve isso. Ele nunca me disse porque. Eu tenho minhas teorias, mas não importa mais", lamentou.

"Foi desapontante. Ele ficou mais dois anos no Aberdeen", concluiu.

Depois, Fergie deixou o clube escocês rumo ao Manchester United, onde fez história e se tornou um dos maiores do futebol em todos os tempos.

Confira os números de Sir Alex Ferguson nos Red Devils:

GFX Alex Ferguson Manchester United

Fechar