381 minutos sem gols! Corinthians espera acabar com seca em “jogo do ano”

Comentários()
Timão precisa vencer o Cruzeiro nesta quarta (17) para conquistar o tetracampeonato da Copa do Brasil

Para conquistar a Copa do Brasil pela quarta vez na sua história, o Corinthians precisará marcar gols. E isso tem sido uma dificuldade para a equipe que nos últimos quatro jogos não conseguiu balançar as redes uma vez sequer. Já são 381 minutos de jejum.

A última vez que o Corinthians marcou um gol foi contra o Flamengo, no dia 26 de setembro, quando Pedrinho fez o gol da classificação aos 24 minutos do segundo tempo. Depois disso, o time alvinegro passou em branco no empate com o América-MG e nas derrotas para Flamengo, Cruzeiro e Santos.

“Isso incomoda o nosso grupo, ficar tanto tempo sem fazer gols. Mas amanhã (quarta-feira) é um jogo muito importante, o jogo do ano para nós. Tomara que essa fase ruim mude, a bola possa entrar novamente, que a gente possa criar novamente. O grupo está bem concentrado, todo mundo está ciente da importância do título para nós, o clube, a torcida... O Cruzeiro tem uma equipe qualificada, será difícil, mas estamos preparados para fazer um bom jogo”, afirmou Jadson em entrevista coletiva após o treino aberto realizado na véspera da decisão, na Arena Corinthians.

Jadson e Léo Santos - Corinthians - 16/09/2018
(Foto: © Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

O camisa 10, aliás, é o artilheiro do Corinthians em 2018, com 13 gols, e o maior garçom, com 12 assistências. Seu último tento foi no triunfo por 2 a 1 sobre o Sport, enquanto seus últimos passes aconteceram na classificação para a decisão da Copa do Brasil diante do Flamengo.

“Eu estou no jejum de cinco jogos. Acho que os jogadores estão tentando fazer bons jogos. Às vezes acaba não tendo oportunidade. Mas espero que todos possam estar concentrados e fazer sua parte. Eu vou fazer a minha. Dando assistências ou fazendo gols. Esse ano graças a Deus tenho conseguido fazer gols e dar assistências”, completou.

Na noite desta quarta-feira (17), só a vitória interessa. Como perdeu o jogo de ida por 1 a 0, o Corinthians precisará de um triunfo por pelo menos dois gols de diferença para ser campeão no tempo normal. Se o time alvinegro conseguir vencer por uma vantagem mínima, o campeão será decidido nos pênaltis.

Mesmo com essa seca, os jogadores do Corinthians estão confiantes de que conseguirão reverter o placar diante da torcida, que, nesta terça (16), novamente lotou a Arena.

“Eu acredito muito que por ser um jogo de 180 minutos a gente perdeu o primeiro tempo. Mas se pararmos para analisar jogo por jogo, o do Cruzeiro jogamos mais que contra o Flamengo. Apesar da derrota teremos mais 90 minutos do lado do nosso torcedor, na nossa casa, para mudar a postura e sair vitorioso”, ressaltou Fagner.

Arena Corinthians - Treino - 16/10/2018
(Foto: © Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Fechar