Notícias Placares ao vivo
Ligue 1

"222 milhões de euros por Neymar é sinal de fraqueza", diz presidente do Bayern

11:00 BRT 25/07/2017
2017-07-25 Neymar Barcelona
O jogador brasileiro tem sido ligado à capital francesa, mas o chefe do Bayern acredita que isso significa que eles falharam em outro lugar

O presidente do Bayern de Munique, Uli Hoeness, sente que é um reconhecimento de fracasso um clube gastar demais no mercado de transferências, já que o PSG tem sido ligado a uma negociação extraordinária de 222 milhões de euros para tirar Neymar do Barcelona


VEJA TAMBÉM:


Os gigantes da Ligue 1 estão prontos para esmagar o recorde de transferência mundial ao pagar a enorme cláusula de liberação no contrato do brasileiro, embora o zagueiro Piqué, do Barça, tenha sugerido em um tweet no último domingo que Neymar estpa convencido a permanecer no camp Nou. 

O atacante ainda não confirmou o que decidiu para seu futuro, e Hoeness acredita que essa transferência seria um sinal ruim. 

"Este é um sinal de fraqueza, disse ele sobre os desembolsos feitos na Europa.

"Se eu tiver que gastar muito dinheiro para não conseguir nada, é mais um sinal que também não trabalhei bem. E é por isso que não posso estar interessado em gastar tanto".

"Não é melhor a transferência mais cara, mas a pessoa que mais faz". 


(Foto: Getty Images)

"Eu acho que é por isso que, nesta bacia de tubarões - €100 milhões, €200 milhões - devemos encontrar nosso próprio caminho".

O Bayern fez a contratação recorde da Bundesliga, ao pagar €41,5 milhões para contratar Corentin Tolisso, do Lyoin, e trouxe Niklas Sule, do Hoffenheim por um valor de €20 milhões.

Mas o clube alemão também conseguiu pechinchas potencias, com a chegada de Serge Gnabry, do Werder Bremen, por preço reduzido, e James Rodríguez, que veio por empréstimo do Real Madrid, além da transferência gratuita de Sebastian Rudy.