thumbnail Olá,

Uruguaio da Internazionale estaria perto de se transferir para o clube gaúcho e o Goal.com analisa como seria essa mudança para o jogador e para o Colorado

O Internacional adota cautela, mas a imprensa uruguaia já dá como certa a transferência de Diego Forlán para o clube gaúcho. A proximidade de Montevidéo (uma hora de avião) é vista com bons olhos pelo jogador, que deve continuar ganhando seus 2 milhões de euros anuais, segundo o El País.

Tendo em vista a iminente saída da Itália do craque da Copa do Mundo de 2010, ex-Manchester United, Villarreal e Atlético de Madrid, o Goal.com analisa como seria essa mudança para o jogador e para o Colorado.

EFEITO NA CARREIRA

Forlán é um jogador vitorioso, com idade já avançada, mas qualidade técnica diferenciada. Aos 33 anos de idade, uma transferência para o Brasil poderá ser muito boa para sua carreira.

Palco da Copa do Mundo de 2014, ele deverá ficar em evidência no cenário do futebol, garantir sua presença no Mundial e voltar ao protagonismo dos tempos de Atlético de Madrid e Seleção Uruguaia, ao contrário do que vem tendo desde que foi para a Internazionale.

Thiago Silva - Milan
EFEITO NO INTERNACIONAL

Contratar jogadores com reputação mundial é sempre bom. O Internacional poderá explorar a imagem do jogador para atrair grande público ao Beira-Rio, fazer-se mais presente na mídia e vender produtos licenciados. Além disso, o clube garante a contratação de um atleta que seria, provavelmente, titular em todos os grandes times do país.

Caso semelhante foi o do Botafogo, que conseguiu trazer Clarence Seedorf, após um longo período de negociações. O holandês será apresentado com status de "astro" e alavancará o público no Engenhão, bem como as vendas de camisas, por exemplo.

Thiago Silva - Milan
LIMITE DE ESTRANGEIROS

No Colorado, cria-se um problema ao contratar o uruguaio. O clube já possui 4 estrangeiros no seu elenco e o máximo permitido no Brasil para disputar uma partida são 3. O Inter conta com Bolatti, Guiñazú, Dátolo e D'Alessandro.

Bolatti é muito cotado para deixar o clube. Ele chegou com a expectativa de ser um grande reforço, mas nunca conseguiu realmente se firmar na equipe. O volante tem algumas propostas.

Já Guiñazú e D'Alessandro são intocáveis. Os dois são titulares absolutos. O primeiro vem sendo convocado para defender a Seleção Argentina, enquanto o segundo é um dos grandes camisas 10 em atividade no Campeonato Brasileiro.

Por fim, Dátolo é o mais cotado para perder sua vaga. O jogador não é visto, de fato, como um titular do Inter e a chegada de Forlán deve criar maiores dificuldades para o atleta. O meio-campista, porém, foi contratado há pouco tempo e dificilmente sairá agora. Sendo assim, um rodízio de jogadores é uma opção possível.

Thiago Silva - Milan
ONDE JOGARIA?

Quando foi nomeado o melhor da Copa do Mundo de 2010, Forlán jogou quase como um meio-campista, fazendo a função de camisa 10. No Internacional não poderá jogar assim, a não ser que D'Alessandro esteja fazendo as malas para jogar em outro lugar, como já foi especulado algumas vezes.

Há a possibilidade de Forlán exercer uma função que já lhe foi solicitada na Internazionale, atuando pelos lados do campo - provavelmente na esquerda. Assim, haveria um esquema 4-2-3-1, com Leandro Damião servindo de referência e na linha de 3 avançados estariam Forlán, D'Alessandro e Oscar.

Por fim, também existe a chance de Leandro Damião estar deixando o Inter, conforme também já foi veiculado por diversas vezes. Dessa forma, a contratação de Forlán serviria para suprir uma futura carência.

Sem Damião, Forlán provavelmente teria que exercer a função de centroavante e Dagoberto jogaria mais recuado, fazendo a dupla de ataque e formando um 4-2-2-2.

Thiago Silva - Milan

Relacionados