Titular da Seleção, Alisson admite assédio para deixar o Internacional

Goleiro do time gaúcho afirma que "algumas coisas estão por chegar"

Alisson, goleiro do Internacional e da Seleção Brasileira, tem contrato até o final de 2016, mas admite a possibilidade de transferir-se para a Europa. O jovem de 23 anos deve ser o titular no confronto contra o Peru, na próxima terça-feira, às 22h, na Arena Fonte Nova.

O jogador garantiu que uma das suas prioridades é manter-se em atividade para não perder a vaga no time de Dunga. Com o empate em 1 a 1 contra a Argentina, o Brasil ocupa o quarto lugar nas Eliminatórias, com quatro pontos. O Peru está na sétima colocação, com três.

"É uma coisa que tem que ser muito bem pensada, e vem sendo muito bem pensada por mim, por minha família, meu procurador. Isso (ritmo) é muito importante que você colocou. Se fala muito em ritmo de jogo. Penso nisso", afirmou o goleiro Alisson em entrevista coletiva. A imprensa italiana dá como praticamente certa a contração do arqueiro pela Roma.

Estatísticas de Alisson pelo Internacional no Brasileirão 2016:

"Hoje tenho que pensar assim. Há três meses, não pensava tanto. Vou analisar as propostas que chegarem. A gente sabe que tem algumas coisas para chegar. Estou muito feliz no Inter. Até definir alguma coisa, meu foco é no Inter. Vou ter as férias para decidir o que vou fazer no ano que vem", afirmou ele.