thumbnail Olá,

Goal.com lista o que o time alvinegro precisa fazer para passar pelos egípcios na semifinal do torneio intercontinental

POR FERNANDO H. AHUVIA

Está chegando a hora! Corinthians e Al Ahly disputam nesta quarta-feira, às 8h30 (de Brasília), no estádio Toyota, no Japão, uma vaga na decisão do Mundial de Clubes da Fifa de 2012.

Atual campeão da Libertadores, o Timão é o grande favorito para o duelo. No entanto, é preciso ficar atento para não repetir o vexame do Inter diante do Mazembe, em 2010. Goal.com traz um guia de regras para o Timão passar pelos egípcios e seguir vivo na busca pelo bi do torneio intercontinental.

Aposta na força do conjunto

Sem nenhuma grande estrela, o Corinthians aposta na força de todos os seus jogadores para conseguir passar pelo Al Ahly e chegar a decisão do Mundial de Clubes da Fifa.

Negociados com o exterior após a conquista da Libertadores, Leandro Castán e Alex foram substituídos por Paulo André e Douglas, respectivamente. No ataque, Guerrero foi contratado e será titular. Apesar das mudanças, o time comandado por Tite segue desempenhando o bom futebol apresentado desde o Brasileirão de 2011.

O equilíbrio em todos os setores do campo, a regularidade e o entrosamento fazem o time alvinegro ser o grande favorito no duelo contra os egípcios.

Defesa eficiente para segurar o perigoso ataque do Al Ahly

A segurança e a experiência do setor defensivo do Corinthians é a grande arma para segurar o perigoso ataque do Al Ahly. O sistema ofensivo do time egípcio mostrou certa habilidade e um bom toque de bola na vitória por 2 a 1 sobre o Sanfrecce Hiroshima.

Assim como foi contra o campeão japonês, o técnico Hossam El Badri, deverá armar sua equipe com cinco meias para enfrentar o Timão.

A velocidade e a qualidade técnica individual de alguns jogadores também merecem atenção dos marcadores. A principal preocupação deverá ser Mohamed Aboutrika. O experiente meia foi o autor do gol da classificação do Al Ahly.

Chegadas perigosas de Paulinho ao campo de ataque

Paulinho é o jogador mais importante no esquema tático utilizado por Tite. Ao lado de Ralf, o jogador forma a melhor dupla de volantes do futebol brasileiro. Isso garante que os meias Douglas e Danilo tenham liberdade para finalizar e armar as jogadas. Além disso, as chegadas do camisa 8 ao campo de ataque são determinantes para a equipe em diversas partidas.

Por conta da postura ofensiva que o time do Al Ahly adotará na partida contra o Corinthians, Paulinho deverá encontrar alguns espaços no meio de campo para aparecer como homem surpresa na frente. Neste ano, o volante já marcou 13 gols.

Marcação adiantada para aproveitar a fragilidade da defesa egípcia

O Al Ahly mostrou ter uma defesa muito lenta e confusa. Durante a partida do último domingo, o Sanfrecce Hiroshima teve diversas chances para marcar. Se jogar como costuma, o atacante Emerson não terá problemas para se infiltrar entre os marcadores.

A função tática dos atletas, que atacam e defendem com muito empenho, é o grande segredo do Timão. Assim como aconteceu durante a Libertadores, Tite deverá colocar o time para marcar no campo de defesa do adversário.

Capricho na armação das jogadas

A saída rápida para os contra-ataques poderá incomodar bastante a frágil defesa do Al Ahly. O técnico Tite quer que a equipe valorize bastante a posse de bola e capriche na armação das jogadas e nas finalizações.

Aproveitar as jogadas de bola parada é outra arma para que a equipe encontre o caminho do gol. Durante a temporada diversos gols nasceram de cobranças de falta ou escanteio.

Relacionados