thumbnail Olá,

Brasileiro do Internacional está perto de se transferir para o clube inglês e o Goal.com analisa como seria essa mudança para o jogador e para os "Blues"

Os dias de Oscar com a camisa do Internacional parecem estar contados. Depois de dirigentes do clube admitirem a possibilidade de negociar o jogador caso fosse feita uma grande oferta, o técnico Dorival Júnior deu uma entrevista coletiva em tom de despedida.

A grande verdade é que o meio-campista viajou com a Seleção Brasileira para disputar as Olimpíadas de Londres e pode nem voltar ao Brasil. O Chelsea, clube da cidade inglesa onde o jovem está, é o grande interessado no futebol do atleta colorado.

A proposta dos londrinos seria de £ 25 milhões (cerca de R$ 79,2 milhões). Ou seja, o maior valor já recebido por um time brasileiro em uma transferência - mais do que o suficiente para convencer a cúpula de futebol do Inter.

Por esse motivo, o Goal.com faz uma análise do impacto que uma mudança para os "Blues" teria, tanto na carreira de Oscar, quanto na continuidade do time londrino.

EFEITO NA CARREIRA

Mudar-se para o Chelsea é muito mais do que sair do Brasil para tentar a sorte no exterior, em um clube de sucesso, atual vencedor da Liga dos Campeões Europeus e Copa da Inglaterra.

Aos 20 anos de idade, Oscar sairia dos gramados brasileiros para defrontar os melhores jogadores do planeta, nas melhores competições interclubes. É incontestável que seu futebol melhoraria em contato com craques já consagrados - alguns deles adversários e outros companheiros de clube.

A Premier League e sua exigência física, tática e técnica poderia dar uma significativa contribuição ao atleta para desenvolver o seu melhor. Principalmente para a Seleção Brasileira, na qual Mano Menezes tem implantado a filosofia de começar a marcação desde o campo de ataque, característica marcante do futebol inglês.

Thiago Silva - Milan
EFEITO NO CHELSEA

A contratação de Oscar vai de encontro aos planos de Roman Abramovich de rejuvenescer o elenco do clube que comprou. O brasileiro tem apenas 20 anos de idade e se juntaria a Eden Hazard, 21, e Marko Marin, 23, recém-contratados pelos "Blues". O outro meia avançado é Mata, 24.

Fechando com o promissor brasileiro, os londrinos garantem a continuidade de sua equipe. Ele deverá ter um impacto imediato no time, mas também terá tempo de se preparar e se tornar um jogador ainda mais completo, aproveitando os últimos anos da carreira de Lampard.

O veterano inglês de 34 anos, um dos maiores ídolos do Chelsea, poderá ensinar muito a Oscar sobre a posição e o futebol no país, deixando um sucessor à altura.

Thiago Silva - Milan
ONDE JOGARIA?

Oscar é o camisa 10 do Internacional e um dos grandes canditatos a assumir o mesmo posto na Seleção Brasileira. No Chelsea não deverá ser diferente.

Fechando com o clube londrino, o meia deverá jogar centralizado e aproveitar a versatilidade de seus companheiros de equipe. Tanto Eden Hazard, quanto Juan Manuel Mata podem atuar pelos lados do campo. O recém-contratado Marin também joga nos flancos.

Dessa forma, haveria a manutenção do atual esquema 4-2-3-1, podendo o trio avançado ser formado por, da esquerda para a direita, Mata, Oscar e Hazard, centralizando Fernando Torres no ataque.

Thiago Silva - Milan
ADAPTAÇÃO

Se a idade (20 anos) e a possível falta de maturidade podem ser obstáculos para a adaptação de Oscar, o elenco do Chelsea rechaça essa hipótese.

No Stamford Bridge, Oscar será companheiro de Ramires e David Luiz, ambos jovens também, com 25 anos. A dupla brasileira deverá ter importante papel na ambientação do atual atleta do Internacional.

Um futuro entrosamento no Chelsea ainda poderá ser levado para a Seleção Brasileira, tanto dentro, quanto fora de campo.

Thiago Silva - Milan

Relacionados