Flamengo se torna o segundo maior patrocínio do Brasil

Com patrocínios de BMG e Batavo, clube fica atrás apenas do Corinthians

O Flamengo fechou na noite da última quinta-feira um contrato de patrocínio com o BMG, para estampar sua marca nas mangas da camisa do rubro-negra. Com o novo acordo, onde o clube faturará R$ 8,5 milhões por ano, além dos R$ 22 milhões pagos pela Batavo, o clube se torna o segundo maior patrocínio do Brasil, perdendo apenas para o Corinthians, que fatura com contratos de patrocínios R$ 38 milhões anuais.

Agora, o valor total que o Flamengo tem a receber de patrocinadores passa para R$ 32 milhões. No contrato com o BMG, o Fla terá R$ 8 milhões destinados para o futebol e R$ 500 mil vão diretamente ao basquete. Além do acordo inicial, a cota de patrocínio do futebol pode chegar em até R$ 10 milhões se o clube vencer a Copa Libertadores.

Com mais um contrato alto financeiramente fechado, o Brasil começa a se destacar na área de patrocínios. O interesse das empresas em ver suas marcas expostas nas camisas das grandes equipes do futebol nacional fez com que esses contratos fossem cada vez mais valorizados.

Atualmente, os valores pagos pelos patrocinadores, junto com as verbas recebidas pelos direitos de transmissão na televisão, representam quase toda a receita dos grandes clubes de futebol.

A presidente do clube, Patrícia Amorim, comemorou o novo acordo e espera que renda muitos frutos ao esporte em geral do Flamengo.

- O Flamengo vive um momento de consolidação de seu presente e de prospecção de seu futuro. Nosso presente está sob controle. Não diria que equacionado, mas administrável. Esse patrocínio vai dar tranqüilidade para o pagamento de compromissos. Ao mesmo tempo, esse contrato abre espaço para uma parceria maior no futuro - afirmou ao site oficial do clube.

Confira a lista dos maiores patrocínios do Brasil.

1º Corinthians:
Patrocinador: Grupo Hypermarcas
Valor: R$ 38 milhões

2º Flamengo
Patrocinador: Batavo + BMG
Valor: R$ 32 milhões

3º São Paulo
Patrocinador: LG*
Valor: R$ 18,5 milhões

4º Palmeiras
Patrocinador: Samsung
Valor: R$ 15 milhões

5º Cruzeiro
Patrocinador:
BMG + Ricardo Eletro
Valor: R$ 15 milhões

6º Atlético Mineiro
Patrocinador: BMG + Ricardo Eletro
Valor: R$ 15 milhões

7º Grêmio
Patrocinador: Banrisul + Tramontina + Unimed
Valor: R$ 15 milhões

8º Internacional
Patrocinador: Banrisul + Tramontina + Unimed
Valor: R$ 15 milhões

9º Vasco
Patrocinador: Eletrobrás + Habib´s
Valor: R$ 14,3 milhões

10º Botafogo
Patrocinador: Liquigás*
Valor: R$ 9 milhões

*Contratos já encerrados. Os clubes ainda não anunciaram renovação ou o nome de um novo parceiro. E com Robinho, o Santos pode chegar a R$ 24 milhões.