thumbnail Olá,

Ex-jogador disse que o momento não era apropriado pra substituir o treinador, mas depositou confiança em Felipão e ainda avaliou a Seleção para a Copa das Confederações

O ex-jogador Ronaldo, membro do comitê organizador da Copa do Mundo, disse que a demissão de Mano Menezes do comando da seleção brasileira foi uma decisão precipitada, mas elogiou a escolha de Felipão para assumir o cargo às vésperas da Copa das Confederações.

"Foi precipitada a mudança. O Mano estava conseguindo resultados positivos. Mesmo assim, as mudanças sempre trazem bons resultados. O Felipão vai ter o time na mão e aposto em seu sucesso na Copa do Mundo," disse, em entrevista ao Esporte Espetacular.

Ronaldo também se juntou ao coro dos que defendem a saída de Neymar do Santos para um clube da Europa, afirmando que o santista precisa acumular mais bagagem.

"O Neymar, sem dúvida, é um excelente jogador. Vai ser um dos melhores do mundo quando decidir ir para a Europa. É muito talentoso para se limitar apenas ao Brasil. Ele teve propostas de vários clubes, mas renovou com o Santos. Teria sido o ideal ele ter ido para se adaptar ao futebol europeu, iria amadurecer. Seria o melhor momento para se adaptar ao futebol europeu e chegar à Copa com mais experiência, mais bagagem para conduzir o time."

Ronaldo ainda deu seu pitaco sobre o novo 9 nova da Amarelinha. Segundo o maior artilheiro das Copas, Fred tem condições de assumir a posição, mas crê que apenas o sistema defensivo está bem encaminhado até aqui.

"O Fred é uma garantia de goleador, de referência no ataque. Mas precisamos ter uma segurança maior no conjunto. Do meio para trás, a Seleção está bem servida. Temos que posicionar melhor o ataque. Ter um jogador que se entrose bem com o Neymar. Acho que ele será a nossa referência na Copa do Mundo."

Na semana passada, Ronaldo foi anunciado como comentarista convidado da TV Globo para a Copa das Confederações e Copa do Mundo, mas garantiu que o fato de ser proprietário da 9ine, empresa que cuida da imagem de jogadores como Lucas e Neymar, não irá interferir nas suas opiniões.

"Acho que já critiquei o Neymar algumas vezes. A minha opinião independe da empresa que eu tenho. Tenho a minha opinião e seguirei sendo autêntico. Posso ser até mais duro, por conhecê-lo."

Relacionados