Técnico do City abre as portas para a saída de Tevez: 'Respeito a decisão'

Roberto Mancini lamenta, mas não cria empecilhos. Clube inglês admite interesse em Agüero para substituir ídolo corintiano

O técnico do Manchester City, Roberto Mancini, abriu as portas para a saída do atacante argentino Carlos Tevez, que tem proposta do Corinthians.

- Provavelmente, se perdermos Carlos, perderemos um ótimo jogador. Em todas as vezes que falei com ele, ele nunca disse: 'Quero sair'. Ele disse que estava sentindo falta das filhas, da família. Sinto muito que ele queira sair, porque para mim ele é uma boa pessoa e um fantástico jogador. Mas eu respeito a decisão dele - disse Mancini, em entrevista ao canal britânico "Sky Sports".

O comandante italiano também admitiu o interesse no também argentino Sergio Agüero, que chegaria justamente para lugar de Tevez. Hoje, o atacante do Atletico de Madrid é o titular da seleção argentina, deixando Tevez no banco de reservas.

O City já fez uma proposta por Agüero, de 45 milhões de euros (cerca de R$ 100,3 milhões). É por isso que exigiam o mesmo valor ao Corinthians pela contratação de Tevez. Mas o Timão, em sua segunda proposta, manteve a oferta inicial de 40 mi de euros (R$ 89,1 milhões), pagos em quatro parcelas anuais. O diferencial é um bônus, que pode chegar a 1 milhão de euros anuais em caso de sucesso do argentino em sua passagem, incluindo resultados esportivos, ações de marketing e venda de camisas.