Gilette Brasil Global Tour

Jogadores do PSG terão papel importante nesta nova etapa da Canarinho e aparecem como duas boas lideranças da equipe

Uma das principais lideranças da Seleção Brasileira, Thiago Silva terá papel importante na reformulação da equipe. Ainda que, talvez, não chegue na Copa do Mundo do Catar, Tite já mostrou que ele vai participar deste início de processo. 

E como um bom líder, Thiago fez questão de elogiar os novatos que chegaram agora na Seleção e garantiu que o grupo fez de tudo para que eles se sentissem a vontade.

Richarlison Brazil El Salvador Friendly 11092018
(Foto: Pedro Martins / MoWa Press / Divulgação)

"A meninada se sentiu a vontade, o grupo é tão bom que por mais que seja a primeira convocação dos meninos eles já se sentiram a vontade, tanto que no primeiro gol do Richarlison ele já fez a comemoração dele que a gente pediu, isso mostra o quanto o nosso grupo foi legal com eles nessa primeira convocação".

Marquinhos Brazil El Salvador Friendly 11092018
(Foto: Getty Images)

Quem também está cheio de moral com Tite é Marquinhos, o zagueiro mais novo entre os convocados para a Copa do Mundo da Rússia certamente é muito bem cotado para disputar o próximo Mundial. Titular nos dois jogos, ele foi, inclusive, quem mais atuou nesta rodada dupla do Brasil Global Tour. 

"É verdade, não tinha percebido ainda, a gente procura estar disponível para a Seleção, fazer o máximo. Foi uma oportunidade para todos que estiveram em campo, não só os que tiverem a primeira vez mas para nós também que estamos ai um tempinho, é sempre uma honra. 

Versátil, Marquinhos também se colocou à disposição para atuar na posição que Tite optar, vale ressaltar que o jogador do PSG pode ser, além de zagueiro, volante e até lateral.

"É bom ter o reconhecimento do professor, onde ele precisar, acho que é uma qualidade minha, com certeza estarei à disposição aqui para fazer o que ele pedir, com o maior carinho, seja onde seja.