Gilette Brasil Global Tour

Depois de um início de ano espetacular, jovem lateral ganha a possibilidade de lutar pelo ouro olímpico

Ao longo dos últimos anos, o Internacional se acostumou a apostar na base e em jogadores jovens. Entre eles surgiu um em especial: o lateral direito William.
 
Revelado pelo clube colorado, o jogador é meio-campista de origem, mas ainda durante a formação acabou sendo deslocado para a lateral direita e se firmou na posição.
 

(Foto: Ricardo Duarte / Internacional)
 
Protogonista: é assim que os colorados enxergam o jogador de 21 anos que vive um 2016 excelente. Um dos maiores destaques do Campeonato Gaúcho, mesmo com a pausa forçada por conta de uma punição que o tirou do torneio por seis rodadas.
 
No retorno exatamente na grande final, Willian foi eleito o melhor jogador da partida no título conquistado em cima do Juventude.
 
O bom nível foi mantido durante o início do Campeonato Brasileiro. O lateral foi o único da posição a ser eleito o melhor em duas rodadas do torneio e é também o atleta que lídera as estatísticas na posição.
 
Números de Willian no Brasileirão 2016:
 
O desempenho e a regularidade do jogador o levou ao grupo que terá o privilégio de buscar em casa o tão sonhado ouro olímpico. Ao lado de Neymar e companhia, William pode entrar para a história do futebol brasileiro.
 

(Foto: Lucas Figueiredo / MoWa Press)
 
O lateral do Inter revelou ser fã de Cafu e Phillip Lahm, dois laterais conhecidos não só pelo bom futebol mas também pela liderança exercida em suas respectivas seleções.
 
"Tenho algumas inspirações. Uma delas é o Cafu. Ele ergueu uma Copa do Mundo. É um sonho. Mas tem o Philip Lahm, que admiro muito. Se eu fizer um pouquinho do que eles fizeram já estarei satisfeito", disse o jogador em entrevista coletiva.
 

(Foto: Getty Images)
 
Dentro de campo, apenas na hora de finalizar Willian não tem tido muito sucesso. O jogador não costuma balançar as redes, mas compensa com equilibrio em todos os outros fundamentos.
 
No grupo A do torneio de futebol, o Brasil estreia na competição no dia 4 de agosto, contra a África do Sul, em Brasília. Três dias depois, encara o Iraque no mesmo estádio e no dia 10, encerra a participação na primeira fase contra a Dinamarca, em Salvador.