Gilette Brasil Global Tour
 
Disputada
setembro 7, 2013 4:15 PM -03
Estádio Nacional de Brasília — Brasília, Distrito Federal
Árbitro:‬ E. Cáceres‎
Público total:‬ 40996‎
 
8′
 
34′
 
36′ Neymar Jr.
 
58′ Ramires
 
 
 

Brasil x Austrália: Seleção terá vários desfalques para duelo contra os Socceroos em Brasília

Sem Fred, Hulk, Daniel Alves e com Oscar como dúvida, Brasil espera vitória no segundo teste de fogo após a conquista da Copa das Confederações

Neymar - Brazil - Confederations Cup
Getty
  ESCALAÇÕES PROVÁVEIS
BRASIL

Júlio César
Maicon, Thiago Silva, Dante, Marcelo
Paulinho, Luiz Gustavo,
Lucas Moura
Neymar, Alexandre Pato, Bernard

AUSTRÁLIA


Schwarzer
Wilkshire, Ognenovski, Neill, McKay

Jedinak, Milligan,
Oar, Holman
, Kruse
Kennedy



O Brasil vai enfrentar a Austrália, neste sábado, às 16h, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, enfraquecido por uma série de lesões. Mesmo assim, a qualidade do grupo disponível para Luiz Felipe Scolari quer dizer que os campeões da Copa das Confederações seguem como favoritos absolutos contra os Socceroos.

Daniel Alves, com uma lesão no joelho, e Hulk, com um problema na coxa, são desfalques certos e já foram cortados. A Austrália, por sua vez, não terá uma das suas principais estrelas, o atacante Tim Cahill, que também está machucado.

Preparando-se para a Copa do Mundo de 2014, a Austrália terá outro amistoso difícil logo após o duelo com a Seleção, contra a França. O técnico Holger Osieck ainda segue em busca da formação ideal e pretende descobrir qual é a real situação da sua equipe. Dentro das suas possibilidades, o time que vai enfrentar o Brasil é a força máxima australiana. O grande teste para a defesa dos Socceroos será segurar o poderio ofensivo brasileiro, que pode ter Neymar e Lucas, além de Oscar, que deixou o treino da última sexta sentindo dores e não está confirmado.

O fato de o Brasil ainda ter um amistoso diante de Portugal na próxima semana, nos Estados Unidos, pode significar uma escalação mais alternativa para Felipão diante do, supostamente, adversário mais fraco.

Sob o comando do treinador alemão, a Austrália já demonstrou que sabe como montar uma defesa e esperar uma boa oportunidade para dar o bote certeiro. Para isso, o técnico deve iniciar a partida com o quarteto formado por Luke Wilkshire, Lucas Neill, Sasa Ognevoski e Matt McKay. Com Cahill lesionado, Josh Kennedy deve ganhar uma oportunidade na frente. Mitchell Duke, atacante do Central Coast, também é opção.

Os homens de Felipão perderam apenas duas vezes no ano, o que inclui uma derrota de 1 a 0 para a Suiça na última aparição. Neymar segue sendo a principal ameaça ofensiva, especialmente porque Fred, artilheiro da Copa das Confederações, se machucou em partida pelo Campeonato Brasileiro e não deve atuar mais neste ano. Oscar, Ramires e Paulinho podem formar um meio-campo com alto poder ofensivo, já que os dois volantes gostam de ajudar no ataque e tem ótima finalização.

A ausência de Dani Alves significa que Maicon ganhará uma nova chance na Seleção, mesmo sem demonstrar bom futebol há algum tempo. David Luiz e Thiago Silva voltarão a estar juntos no miolo de zaga.

Mesmo que alguns dos principais jogadores sejam descansados contra a Austrália, espera-se que o Brasil envie um sinal de alerta para Portugal, que terá um duelo importantíssimo pelas Eliminatórias da Copa do Mundo antes de voar para Boston.
Direto do Campo
Últimos Cinco Jogos