Gilette Brasil Global Tour
 
Disputada
março 5, 2014 2:00 PM BRT
FNB Stadium (Soccer City) — Johannesburg, GA
Árbitro:‬ António Caxala‎
Público total:‬ 67616‎
 
 
Oscar 10′
 
Neymar 41′
 
Neymar 46′
 
Fernandinho 79′
 
Neymar 90+1′

África do Sul 0 x 5 Brasil: Neymar marca três vezes e Brasil goleia África do Sul

No último amistoso antes da convocação final, Brasil vence a África do Sul com tranquilidade e agora resta a Felipão decidir os 23 jogadores que estarão presentes na Copa.

Por Raphael Saavedra

Neymar - Brazil vs South Africa 03052014
Mowa Press
Em fase final de preparação, o amistoso hoje contra a África do Sul não era um grande teste técnico para o Brasil, mas era importante para moldar o grupo que disputará a Copa. E alguns jogadores souberam aproveitar a oportunidade. Dominando desde os primeiros minutos, a Seleção Brasileira venceu por 5 a 0 no Soccer City, palco da final do último torneio, e vai com moral para a competição em junho. Neymar marcou três vezes, chegando a 30 gols com a amarelinha, com Oscar e Fernandinho completando a festa. Felipão ainda terá dois amistosos, contra Panamá e Sérvia, mas serão realizados depois da convocação, já com o grupo fechado.

O jogo

Com a base formada, Felipão testou Rafinha e Fernandinho no time titular, mesmo sem grande probabilidade dos dois ficarem no grupo. Contestados nos últimos meses, a partida deu a oportunidade de alguns jogadores confirmarem sua convocação, como Hulk, Fred e Júlio Cesar. O adversário não era dos mais fortes, mas serviu como uma simulação do confronto contra Camarões, enferentando outra equipe africana.

A África do Sul, mais fraca tecnicamente, arriscou muitos chutes de fora da área, mas não conseguiu assustar os anfitriões da Copa. Com um bom volume no ataque, o Brasil teve uma chance logo aos quatro minutos, quando Fred ajeitou para Oscar, mas o meia bateu em cima da defesa. O centroavante se movimentou bastante, mas as jogadas saíram da ponta e complicaram a vida do jogador.

Brasil abre o placar no início

E o primeiro gol surgiu justamente na parte lateral do ataque. Vindo buscar o jogo, Hulk recebeu no meio-campo pela direita e descolou ótimo passe para Oscar aos dez minutos, deixando o meia cara a cara com Willians. Com muita tranquilidade, o camisa 11 deu uma leve cavadinha e deixou o Brasil em vantagem logo no início. O lance tirou a pressão inicial da equipe e deixou o jogo mais leve nos minutos seguintes.

Quem apareceu no meio do primeiro tempo foi Neymar. O craque teve duas oportunidades claras de aumentar o placar, mas parou no goleiro africano. Aos 21 minutos, o camisa 10 foi lançado por Marcelo e ganhou da zaga na velocidade, tirando também Willians. Na hora da finalização, o arqueiro da África do Sul se recuperou e fez a defesa. Em lance parecido com o primeiro gol, aos 29 minutos, Neymar tentou nova cavadinha após passe de Oscar, mas dessa vez o goleiro estava ligado e espalmou para escanteio.

Neymar aumenta a vantagem

Quando teve a terceira, o jogador do Barcelona não perdoou. Aos 41 minutos, em novo lançamento de Oscar, Neymar ganhou de Xulu e finalizou de perna esquerda na entrada da área. A bola foi no meio do gol, mas encontrou um espaço entre as pernas do goleiro Willians para estufar a rede. No finalzinho, Furman ainda levou perigo em um chute de fora, mas o Brasil foi para o intervalo com um 2 a 0 no placar.

Na volta para o segundo tempo, Felipão promoveu três mudanças, colocando Luiz Gustavo, Ramires e Willian no lugar de Paulinho, Oscar e Hulk, além da seleção voltar com a camisa azul. A alteração liberou Fernandinho da função de primeiro volante e aumentou a velocidade do meio-campo, tirando o armador da equipe para colocar um motorzinho. Antes mesmo que elas pudessem surtir efeito, Neymar marcou o terceiro gol da seleção com apenas 20 segundos. A África do Sul deu a saída, mas a bola foi recuperada no meio e Fred deu um lindo passe por cobertura, deixando o craque na cara do gol. Novamente de cavadinha, o jogador marcou seu segundo na partida.

No minuto seguinte, Willian teve sua primeira jogada em novo lance com Fred e Neymar. O jogador do Chelsea recebeu na entrada da área, limpou a marcação e chutou no cantinho, tirando tinta da trave adversária. Mesmo com poucos minutos em campo desde que foi convocado, o meia ganhou a confiança de Felipão e está praticamente garantido na lista final, que vai ser divulgada em maio.

Felipão mexe na equipe e Brasil confirma a vitória com golaço de Fernandinho

Mero espectador da partida, Júlio Cesar teve a chance de mostrar serviço aos 17 minutos. Em jogada rápida da África do Sul, Patosi entrou livre na área e bateu de forma estranha na bola. O goleiro brasileiro já caia para o outro lado, mas conseguiu se recuperar e fez ótima defesa no reflexo, apresentando suas credenciais para ser o titular de Felipão. Jogando agora na Liga Americana de Futebol, o camisa 12 vem sofrendo com a irregularidade nos clubes, mas nunca perdeu a confiança do treinador no time nacional.

Felipão completou as substituições com Daniel Alves, Dante e Jô, deixando os jogadores testados completarem a partida. E a chance permitiu a Fernandinho mostrar uma de suas grandes armas: a chegada ao ataque. Aos 34 minutos, o volante do Manchester City recebeu na intermediária e percebeu o espaço para finalizar. O arremate pegou um belo efeito e entrou no ângulo de Willians, colocando uma pulga atrás da orelha do técnico. No banco, ele sorriu, mas não se sabe se foi o suficiente para convencê-lo na fase final de preparação.

Neymar ainda completou o hat-trick. Em cruzamento de Daniel Alves, Jô escorou para o atacante, que dividiu com o goleiro e deu números finais à goleada. No final, o balanço do último teste foi positivo. Sem grandes dúvidas, o treinador viu sua equipe atuar bem e despachar sem dificuldades um adversário africano, mas que não estará na Copa em junho. As últimas dúvidas parecem ser no gol e na defesa, mas Fernandinho pediu passagem no meio e Lucas Leiva pode ficar de fora. Mas não adianta se precipitar. Essas dúvidas só serão sanadas em maio, quando a lista final apresentar os 23 nomes que representarão o Brasil na competição mais importante dos últimos tempos.
 

África do Sul

30
16
A. Ngcongca
Defensor
20
Bongani Khumalo
Defensor
20′
8
Thabo Matlaba
Defensor
-
Thabo Nthethe
Defensor
15
Andile Jali
Meio-campista
55′
7
Daylon Claasen
Meio-campista
52′
8
Dean Furman
Meio-campista
25
Thulani Serero
Meio-campista

Brasil

1
23
David Luiz
Defensor
64′
12
Marcelo
Defensor
58′
13
Rafinha
Defensor
4
25
Fernandinho
Meio-campista
79′
11
Oscar
Meio-campista
10′ 46′
8
Paulinho
Meio-campista
41′ 46′
-
Fred
Atacante
46′ 62′
29
Hulk
Atacante
10′ 46′
11
Neymar
Atacante
41′ 46′ 91′

Reservas

1
15
Buhle Mkhwanazi
Meio-campista
-
8
-
20
O. Manyisa
Meio-campista
46′
-
20
Dino Ndlovu
Atacante
52′

Reservas

1
Jefferson
Goleiro
22
4
Dante
Defensor
64′
-
Bernard
Meio-campista
22
Luiz Gustavo
Meio-campista
46′
7
Ramires
Meio-campista
46′ 75′
22
Willian
Meio-campista
46′
7

Atacante
62′ 91′

Técnico/Treinador

Técnico/Treinador

 
  • Gol
  • Gol Contra
  • Pênalti
  • Pênalti desperdiçado
  • Cartão Amarelo
  • Assistência
  • Pênalti defendido
  • Pênalti convertido
  • Pênalti desperdiçado
  • Cartão Amarelo / Cartão Vermelho
  • Cartão Vermelho
  • Entra
  • Sai
  • Lesão
  • Nota do Goal.com
  • Melhor em Campo para o Goal.com
  • Pior em Campo para o Goal.com
  • Ranking Melhores & Piores
  • Melhor em Campo para os Fãs
  • Pior em Campo para os Fãs