Palmeiras 2 x 2 Bahia: Tricolor busca empate no fim e frustra paulistas
Na luta contra o rebaixamento, o Tricolor foi valente e quase consegue a virada na segunda etapa

Na briga para ficar distante do Z4, o Bahia conseguiu arrancar um empate, por 2 a 2, em duelo movimentado contra o Palmeiras, em São Paulo, na noite desta quinta-feira, no fechamento da 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

O Palmeiras abriu 2 a 0 de frente, ambos tentos conquistados no primeiro tempo. No fim da etapa inicial o Bahia diminuiu e quase nos acréscimos do segundo tempo conseguiu o empate. O resultado deixa o Palmeiras dois pontos distante do G4. A equipe alcança os 44 pontos, na quinta posição. Já o Tricolor está na 14ª colocação, com 32 tentos.

No domingo, os paulistas voltam a campo contra o Atlético-GO, no Olímpico, às 17h (de Brasília). Já o Bahia recebe o Corinthians, na Arena Fonte Nova, no mesmo dia, mas às19h.

Dudu Palmeiras Bahia Brasileirao Serie A 12102017Baianos voltaram forte na segunda etapa (Foto: Alexandre Schneider/Getty)

O gol

O Palmeiras queria resolver rápido a situação. A equipe do técnico Cuca iniciou o jogo com vontade de marcar logo gols e garantir o resultado. E isso aconteceu. Logo no segundo minuto de jogo, em cruzamento pela esquerda, Willian Bigode se esticou, no meio de dois zagueiros, para colocar a redonda pra dentro. 

A situação deu até certa tranquilidade para o Verdão que tinha o resultador a favor em um momento cedo da partida e ainda jogando em casa. O Bahia, porém, conseguiu se encontrar em campo e passou a levar algum perigo.

Aos 38, Bruno Henrique apareceu na área e fez o segundo do Palmeiras, em uma boa jogada do Verdão. No finalzinho, já nos acréscimos, o Bahia, com Edigar Júnio conseguiu o tento.

A etapa final deixou clara a desorganização do Palmeiras. O time não se encontrava e nem com as substituições conseguia criar algo. O Bahia buscou o resultado e, de pênalti, conseguiu o tento de empate, com Edigar Júnio. Vale destacar que no fim do jogo, por pouco o Tricolor não consegue a virada.

Comentários ()