Sequência de jogos fora de casa e show de Andrea Bocelli: Palmeiras só voltará ao Allianz Parque em outubro

Comentários
Verdão disputará quatro partidas longe de São Paulo e fará no dia 30 jogo no Pacaembu por conta das apresentações do cantor italiano

O torcedor palmeirense levará um tempo para poder voltar a acompanhar a sua equipe no Allianz Parque. Isso porque depois da derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro na última quarta-feira (12), pelo jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil, o Verdão iniciará uma sequência de quatro jogos fora de casa, além de disputar um duelo como mandante no Pacaembu.

Nos próximos dois domingos (16 e 23/09), o Verdão visitará o Bahia e o Sport, respectivamente pelo Campeonato Brasileiro. Entre as duas datas, no dia 20, o Palmeiras jogará no Chile, contra o Colo-Colo, pelo jogo de ida das quartas de final da Libertadores. Por fim, no dia 26, o time alviverde tentará reverter, no Mineirão, a derrota para o Cruzeiro no jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil.

Após decidir uma das vagas para a decisão da Copa do Brasil, o Palmeiras reencontrará o Cruzeiro, no dia 30, pelo Brasileirão. No entanto, o duelo acontecerá no Pacaembu por conta dos shows do cantor italiano Andrea Bocelli no Allianz Parque.

Palmeiras - Jogos PS - 13/09/2018

Assim, o Palmeiras só voltará a jogar no seu estádio no dia 3 de outubro, contra o Colo-Colo, pela partida de volta das quartas de final da Copa Libertadores da América.

Se serve como estímulo, o aproveitamento de Felipão na sua atual passagem pelo Palmeiras é melhor como visitante do que como mandante. As duas derrotas do treinador, aliás, aconteceram em casa. Longe do Allianz são três vitórias e dois empates.

Próximo artigo:
Futebol na TV: confira a programação de quinta-feira, 20 de setembro
Próximo artigo:
Copa Libertadores 2018: artilheiros, garçons e classificação completa
Próximo artigo:
Champions League 2018/19: Quando começa, qual o novo formato, classificados e sorteio
Próximo artigo:
Quantos gols Lionel Messi marcou na carreira?
Próximo artigo:
Revoltado com juiz, Mano ataca Conmebol e diz: “é uma coisa que não está cheirando bem”
Fechar