Classificação do São Paulo desempata histórico contra Rosario Central e mata-mata diante de argentinos

CompartilharFechar Comentários
Clube do Morumbi venceu time hermano por 1 a 0 e conseguiu a classificação para a segunda fase da Copa Sul-Americana

Com gol de Diego Souza, o São Paulo venceu o Rosario Central por 1 a 0 na última quarta-feira (9), no Morumbi, e garantiu vaga na segunda fase da Copa Sul-Americana. Além disso, o Tricolor desempatou o histórico contra o rival. Agora são três vitórias, contra dois empates e duas derrotas.

O Tricolor também agora fica em vantagem no histórico de mata-matas contra times argentinos. Com a classificação sobre o Rosario Central, o São Paulo levou a melhor nove vezes e acabou sendo eliminado em oito ocasiões.

Já no histórico geral, a vantagem é argentina. Até hoje, o Tricolor venceu 33, empatou 24 e perdeu 34 dos 90 jogos que fez contra equipes do país vizinho. Por outro lado, o clube do Morumbi marcou mais gols: 132 a 117.

São Paulo vs adversários argentinos: histórico

Adversário Vitórias do São Paulo Empates Derrotas
Arsenal de Sarandí 0 1 1
Boca Juniors 7 5 8
Club Atlético Atlanta 1 0 1
Club Atlético Talleres 0 2 0
 Defensa y Justicia 0 2 0
Estudiantes de La Plata 1 0 1
Gimnasia y Esgrima La Plata 1 0 0
Huracán 1 0 1
Independiente 3 1 4
Newel´s Old Boys 3 0 3
Quilmes 1 1 0
Racing 0 1 4
River Plate 5 5 4
Rosário Central 3 2 2
San Lorenzo de Almagro 4 1 3
Tigre 1 1 0
Vélez Sarsfield 2 2 2
 

A primeira vez que o São Paulo enfrentou um time argentino foi no dia 14 de fevereiro de 1935. Na ocasião, o Tricolor venceu o River Plate por 2 a 1, no estádio da Floresta, com gols de Junqueirinha e Luizinho. Telio descontou para os visitantes.

Já a primeira vez que o clube do Morumbi jogou na Argentina foi apenas em 1960, quando foi goleado pelo Boca Juniors por 5 a 2, no estádio Tomás Adolfo Ducó, do Huracán.

São Paulo Sul-Americana Rogério Ceni Lucas 2012
Tricolor conquistou a Copa Sul-Americana de 2012 diante do Tigre (Foto: Getty)

A história entre São Paulo e equipes argentinas também é recheada de decisões. Em duas delas, o Tricolor levou a melhor e saiu com o título: Libertadores de 1992 contra o Newell's Old Boys e a Copa Sul-Americana de 2012 diante do Tigre.

Por outro lado, já foram quatro derrotas para times argentinos em finais: Libertadores de 1974 para o Independiente, Libertadores de 1994 contra o Vélez Sarsfield, Supercopa da Libertadores de 1997 diante do River Plate e Recopa Sul-Americana de 2012 enfrentando o Boca Juniors.

Próximo artigo:
Bola de Ouro da Copa do Mundo: o que é, quem ganhou e o vencedor de 2018
Próximo artigo:
Maxi López fecha com o Vasco e vai usar a 11 de Romário
Próximo artigo:
Momentos Campeões: Apesar de juventude, campeã França se garantiu ao mostrar maturidade na Rússia
Próximo artigo:
Craque da final, Griezmann se veste com bandeira do Uruguai e comenta possível Bola de Ouro
Próximo artigo:
Quais foram os melhores jogadores das Copas do Mundo?
Fechar