Robben nega críticas a Ancelotti: "são besteiras"

CompartilharFechar Comentários
Foi especulado que atacante teria treinado escondido porque não gostava dos métodos do italiano

O atacante Arjen Robben se incomodou com as notícias publicadas recentemente pela revista alemã Kicker. Ele negou que o elenco do Bayern de Munique estava incomodado com os métodos de treino do técnico Carlo Ancelotti, que foi demitido na semana passada.

Robben negou que estava treinando escondido: "de repente estão aparecendo coisas na mídia que eu gostaria de me distanciar. Todas essas coisas faladas são besteiras".

O holandês disse que jamais falaria mal do técnico depois dele sair: "odeio quando isso acontece. Sou a última pessoa que teria falado mal de um técnico, um companheiro de equipe ou outra pessoa. Você tem que ser um homem quando alguém sai, não bater em ninguém por trás"

No final de semana, sem Ancelotti, o Bayern de Munique foi comandado pelo técnico interino Willy Sagnol. O time abriu 2 a 0 no placar, mas sofreu o empate depois que Robben saiu do jogo.

O atacante mostrou decepção com o que aconteceu: "fiquei desapontado porque perdemos uma vantagem de dois gols de diferença. Mas é uma decisão do técnico e aceito isso. Não significa que não posso ficar desapontado".


VEJA TAMBÉM:


Próximo artigo:
Guerrero não jogará contra São Paulo e deve ter substituto improvisado
Próximo artigo:
Barcelona define Ander Herrera como o substituto ideal para Iniesta
Próximo artigo:
Fred crê que Atlético-MG pode se recuperar diante do Cruzeiro
Próximo artigo:
Campeonato Brasileiro 2017: os artilheiros e garçons da temporada
Próximo artigo:
Herói do Chelsea, Batshuayi fica aliviado após "momento difícil" contra o Watford
Fechar