Representantes de Cristiano Ronaldo tentam alegar que processo do fisco espanhol não tem fundamento legal

CompartilharFechar Comentários
Defesa do craque vai alegar que as acusações ao jogador do Real Madrid são "inconsistentes"

Cristiano Ronaldo quer evitar a todo custo ser condenado a prisão por sua suposta fraude fiscal. De acordo com o jornal AS, a defesa do jogador do Real Madrid, deseja alegar que o processo criminal levantado não tem fundamento legal. Defesa do craque vai alegar que as acusações são "inconsistentes".

Desta forma, os representantes do português pretendem que o fisco espanhol desista do processo crime e fique pelo processo executivo, pagando o valor da dívida e ainda uma multa. Assim, CR7 não passaria pela mesma situação que Leo Messi, que foi julgado e condenado a 21 meses de prisão por três crimes federais.

Próximo artigo:
International Champions Cup 2018: lista dos times, partidas e locais da turnê de pré-temporada
Próximo artigo:
Aposentado, Thiago Motta assume como técnico do PSG Sub-19
Próximo artigo:
Campeonato Brasileiro 2018: artilheiros e garçons da temporada
Próximo artigo:
O valor de Neymar: quanto ganha e qual o patrimônio do craque brasileiro
Próximo artigo:
Vinícius Júnior no Real Madrid: valor da transferência, salário, apresentação e outras informações
Fechar

Utilizamos cookies para proporcionar-lhe uma melhor experiência online. Se continuar navegando em nosso site, consideramos que está de acordo com a nossa política de privacidade.

Exibir mais Aceitar