Pogba diz que largaria o futebol se acreditasse que o Manchester City é invencível

CompartilharFechar Comentários
O meio-campista do United falou sobre a grandiosidade do clássico, que será realizado neste domingo (10)

Por causa do cartão vermelho recebido na vitória sobre o Arsenal, Paul Pogba não poderá entrar em campo no clássico entre Manchester City e United, domingo (10), pela 16ª rodada da Premier League inglesa.

No entanto, o meio-campista francês garantiu que vai buscar ajudar o United a manter a confiança para bater o rival da cidade. E por isso mesmo, não teve medo de afirmar: se acreditasse que sua equipe, vice-líder, não conseguisse alcançar o City, que tem oito pontos a mais na corrida pelo título, abandonaria o futebol.

“Se eu não acreditasse, pararia de jogar futebol agora”, afirmou para o site oficial do United. “Eles precisam vencer, porque sabem que estamos atrás e chegando cada vez mais perto”.

“Infelizmente eu não vou jogar, mas estarei lá para ajudar o time mentalmente. Eu preciso estar lá, para empurrar o time e eu espero que ajude”, seguiu.

Manchester United Manchester City Paul Pogba Claudio Bravo 10262016Pogba em ação contra o City (Foto: Getty Images)

“Manchester City contra Manchester United sempre foi um clássico muito importante. Um time, dois clubes (...) A atmosfera será muito grande no estádio, um grande jogo, com grandes times e grandes jogadores. Então é o tipo de jogo que você quer jogar. Tenho total confiança no time”.

Pogba também garantiu que o United não vai deixar de buscar o ataque, mas ressaltou que o equilíbrio é o fundamental: “Para vencer esses jogos, é preciso doar tudo. Você precisa estar lá defensiva e ofensivamente”.

“Eles são líderes por uma boa razão, porque estão indo muito bem. Eles seguem ganhando e não perderam nenhum jogo (...) Nós precisamos ser tão fortes mentalmente quanto eles”.

Próximo artigo:
Jornal: Real Madrid tem 'plano especial' para Vinícius Júnior
Próximo artigo:
Giroud entra na mira do Atlético de Madrid
Próximo artigo:
Flamengo no Brasileirão 2018: números, gráficos e evolução
Próximo artigo:
Palmeiras x Atlético-MG: Horário, local, onde assistir e prováveis escalações
Próximo artigo:
Ibrahimovic, Dani Alves e os jogadores com mais títulos na historia
Fechar

Utilizamos cookies para proporcionar-lhe uma melhor experiência online. Se continuar navegando em nosso site, consideramos que está de acordo com a nossa política de privacidade.

Exibir mais Aceitar