Na terra de Buffon, o melhor goleiro é Alisson... e a Roma agradece!

Comentários
O brasileiro fez duas defesaças na vitória sobre o Torino, pela 28ª rodada da Serie A

Header Tauan Ambrosio

A Roma confirmou a boa fase vivida no Campeonato Italiano. Na tarde desta sexta-feira (09), o time da capital aplicou contundentes 3 a 0 sobre o Torino, em duelo válido pela 28ª rodada do certame nacional. O resultado deixou a equipe Giallorossi na terceira posição, com 56 pontos.

Os gols foram anotados por Manolas, De Rossi e Lorenzo Pellegrini. Mas um dos grandes heróis na vitória romanista foi o goleiro Alisson. Mais uma vez!

Todos os gols do time comandado pelo treinador Eusebio Di Francesco foram anotados no segundo tempo, quando a Roma parecia outro time em campo. Nos 45 minutos iniciais, foi Alisson quem segurou as pontas no Estádio Olímpico.

Com a pontinha da luva, melhor dizendo.

Foram oito finalizações do Torino na primeira etapa, sendo três delas no gol defendido pelo brasileiro. Em duas oportunidades, o camisa 1 fez dos seus milagres: o primeiro deles aos 34 minutos, após chute à queima roupa do atacante Iago Falqué, e o segundo quase dez minutos depois, ao interceptar o arremate de Belotti.

A vitória da Roma não foi um ‘resultado mentiroso’. Se não conseguiu acertar nenhum chute a gol no primeiro tempo, os donos da casa responderam com cinco na etapa derradeira, tendo o excelente aproveitamento de três bolas nas redes.

GFX Alisson BuffonEstatísticas referentes ao Campeonato Italiano

Mas a narrativa seria diferente não fosse mais uma exibição gigante do ex-Internacional e titular da Seleção Brasileira. Considerando os times das consideradas cinco principais ligas da Europa [Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e França], apenas um outro arqueiro de time grande teve tanto trabalho e decidiu tanto com suas defesas: David De Gea, do Manchester United [116 chutes contra, 22 gols sofridos, 95 defesas e 84% de sucesso em defesas].

Ou seja: no campeonato em que disputa o brilho com o maior goleiro da história [Buffon, é claro], no momento Alisson pode bater no peito para dizer que é o melhor. Bom para a Roma... e para a Seleção Brasileira!

Próximo artigo:
Cristiano Ronaldo não irá para a premiação do The Best, diz mídia espanhola
Próximo artigo:
Cruzeiro 2x1 Santos: de virada, tudo azul no Mineirão
Próximo artigo:
Neymar fala sobre nova função no PSG e exalta Thomas Tuchel: “amamos sua forma de treinar”
Próximo artigo:
Vitória 3x4 Botafogo: Glorioso sofre, mas vence e ganha alívio na luta contra o rebaixamento
Próximo artigo:
Quantos gols Lionel Messi marcou na carreira?
Fechar