Kaká sobre período no Real Madrid: "Tudo é levado ao extremo"

CompartilharFechar Comentários
Brasileiro falou ainda sobre sentimento em vencer uma Bola de Ouro e prevê quem irá brilhar após era CR7 e Messi

Após se despedir do Orlando City, Kaká ainda não sabe o que será de seu futuro. Enquanto isso, ele tem participado de eventos promocionais, como por exemplo, o lançamento da bola oficial da Copa do Mundo. E lá o brasileiro comentou sobre a sua passagem no Real Madrid.

"O Real Madrid é um clube em que tudo é levado ao extremo, tanto para o lado bom como para o ruim, então tem que se adaptar a forma como vivem as diferentes situações com a imprensa ou com a torcida. Para um jogador, viver a experiência de estar no Madrid é muito boa, porque cresce muito, principalmente como pessoa", explicou.

Kaká comparou a sua saída dos Merengues como a de James. "O que aconteceu com James e comigo pode acontecer com qualquer jogador, e não só no Real Madrid. Fazem udanças que se imagina que vão sair de uma maneira e por muitas situações não saem como se gostaria", argumentou.

Kaka, Michael Essien & 15 Pembelian Terburuk Real Madrid
(Foto: Getty Images)

"James não se esqueceu como se joga futebol. Ele segue sendo um grandíssimo jogador e vai encontrar sua melhor forma em seu novo time e tenho certeza que vai seguir jogando bem na seleção. Cada vez o futebol é mais rápido, mas este tipo de jogadores como James se adaptam muito bem. Ele ja está adaptado a um futebol de maior velovidade. Não podemos esquecer que foi o melhor jogador do último Mundial", completou Kaká.

O brasileiro tentou expressar o sentimento de ter vencido uma Bola de Ouro. "É incrível ganhar individualmente em ume sporte coletivo e em que todos gostariam de dizer: 'Sou o melhor de todos'. Tentei maner um bom nível e entender que esse prêmio foi pelo o que se fez em equipe. Sempre agradeço a todos meus companheiros do Milan pelo o que ganhamos".

Por fim, Kaká foi questionado sobre quem será o melhor quando a era Cristiano Ronaldo e Messi se encerrar: "O futebol não é uma ciência exta, então é difícil dizer o que vai acontecer no futuro, mas diria que o próximo Bola de ouro depois da era de Cristiano Ronaldo e Messi será Neymar", finalizou.

Próximo artigo:
"O Manchester United vai contratar um meio-campista", avisa Mourinho
Próximo artigo:
Apesar do gol anulado, Mata diz ser a favor do VAR
Próximo artigo:
Cruzeiro 1 x 0 Villa Nova: Raposa sexta vitória no Estadual
Próximo artigo:
Valverde comemora vitória sobre o Eibar: "o importante era ganhar"
Próximo artigo:
O recorde menos desejado de Lionel Messi
Fechar