Cristiano Ronaldo se nega a fazer acordo com a Fazenda Pública da Espanha

CompartilharFechar Comentários
Craque se recusa a estabelecer um pacto em que liquida quatro questões fiscais por 14,7 milhões de euros. Sem acordo, ele pode ser condenado!

Cristiano Ronaldo vive uma novela com a Fazenda Pública da Espanha. O jogador do Real Madrid, acusado de quatro crimes fiscais por evasão de 14,7 milhões de euros (R$ 54,3 milhões na cotação atual) em impostos, recusa um pacto com o fisco e insiste que a denúncia contra ele é "inconsistente, sem fundamento e contrária ao direito", conforme publicado pelo jornal El Mundo nesta terça-feira (17).

O português apresentou um novo documento frente ao juiz de Pozuelo Alarcón no qual apresenta várias críticas à Fazenda. No texto, o craque dispara: "a denúncia está formulada sem fundamento algum, é inconsistente, se encontra baseada em critérios contrários ao direito tributário e, por fim, é facilmente desmontável por um analisador objetivo".

CR7 catalogou suas discordâncias com a Fazenda como "discrepância de critérios" e pede a prescrição de todos os exercícios investigados

A Fazenda apresentou em 14 de junho uma denúncia contra a estrela do Real Madrid por quatro delitos fiscais, cometidos entre 2011 e 2014 e que correspondem a uma fraude de 14,7 milhões de euros. O jogador participou de uma audiência em 31 de julho e seguiu com a instrução do caso. Com o documento apresentado ao juizado, ele rechaça por completo a acusação da Fazenda.

Próximo artigo:
Copa do Brasil 2018: quando é disputada, qual o formato e resultados da competição
Próximo artigo:
Chelsea x Barcelona: onde assistir, escalações prováveis e as últimas notícias
Próximo artigo:
Aposte em Chelsea x Barcelona: quem vence pelas oitavas de final da Champions League?
Próximo artigo:
A primeira impressão é excelente, mas o Galo tem um exemplo argentino recente para não se empolgar demais com Andrade
Próximo artigo:
Messi é o melhor, mas não invencível, segundo Pedro
Fechar