thumbnail Olá,

Novo técnico do Barça concede entrevista coletiva e admite que convite para o cargo foi "inesperado"

Nesta terça-feira, Gerardo Martino, concedeu entrevista coletiva oficialmente como o novo treinador do Barcelona.

O substituto de Tito Vilanova agradeceu a oportunidade "inesperada" e crê que com Messi, Neymar, Xavi, Iniesta e companhia será a certeza de que fará um grande trabalho.

"Estou muito feliz que o Barcelona me escolheu e considerou a minha maneira de trabalhar", acrescentou Martino. "Tenho esperança de que tudo vai ser perfeito e, apesar da [alta] expectativa, tudo vai correr bem".

"Há algumas coisas que eu prefiro não falar, mas não posso deixar de dizer o quão orgulhoso eu fiquei quando recebi o telefonema e como estou orgulhoso de trabalhar no Barcelona. Eu realmente não estava esperando por isso", admitiu.

"Meu primeiro objetivo é me adaptar ao clube e com o pessoal da melhor maneira. Então nós temos que lutar por cada competição que jogamos. Um dos pontos que ainda temos que resolver com o Barcelona é se eu vou ter os mesmos assistentes", revelou.

Sobre o fato de treinar Lionel Messi, Martino disse que não tem muito a dizer para o melhor jogador do mundo.

"Para a minha carreira como treinador, com os jogadores que o Barcelona tem, com Leo lá, é exatamente o que todo treinador quer".

"A primeira coisa que você pensa é que não tem nada a dizer a Messi, a fim de ajudá-lo. Mas quando você se torna treinador do Barcelona e pode treinar o melhor jogador do mundo, posso dizer que vou encontrar as maneiras de apoiá-lo e ajudá-lo a ser o grande jogador que é."

"Espero que eu possa ser tão bom quanto eles estão esperando e ajudá-los a continuar vencendo".

Por fim, questionado quanto Neymar e Messi juntos no Barça, Martino preferiu ser cuidadoso:

"Temos que nos adaptar a cada situação, reconhece-la e depois se acostumar com ela. Esperamos poder compreender de dentro tudo o que temos que fazer no Barcelona".

Relacionados