thumbnail Olá,

Presidente do São Paulo confessa que esperava mais do volante no Tricolor

O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, admitiu que o empréstimo de Casemiro ao Real Madrid B serviu para evitar problemas com o elenco de Ney Franco. O mandatário Tricolor revelou um desapontamento com o volante.

“Achei interessante fazer isso porque estava com medo de o Casemiro acabar nos dando problemas. Quando um jogador que foi até para a Seleção deixa de jogar, os problemas acontecem. Se a gente puder se antecipar e tomar uma atitude, é uma boa”, comentou Juvenal em matéria publicada no Espn.com.br.

“Eu esperava mais dele”, confessou Juvenal. “Sempre disse que gosto do futebol do Casemiro, mas ele não estava correspondendo ultimamente. Falei forte com ele, mas, mesmo assim... Chegou um momento em que era melhor emprestá-lo”, acrescentou o presidente do clube paulista.

Mesmo assim, Juvenal torce pelo sucesso do jogador que tem a expectativa de ser promovido ao time principal do Real Madrid.

“Coincidentemente, o Real Madrid veio com essa coisa de ele jogar no time B quando decidimos emprestá-lo. Eles precisavam ver isso rapidamente. Se colocassem na equipe A, ele poderia não jogar e não daria para descer para a B. Na B, ele tem chances de subir para a A”, concluiu o mandatário.

Relacionados