thumbnail Olá,

Meia já fala como jogador do clube parisiense, onde se apresenta em menos de um mês

Falta menos de um mês para o meia Lucas Moura arrumar as malas e partir para a França, onde se apresentará, enfim, ao Paris Saint-Germain. Mesmo que ele pense em vencer a Copa Sul-Americana pelo São Paulo (a decisão do Tigre começa nessa quarta-feira), o jovem não consegue deixar de pensar no futuro cada vez mais próximo no Parc des Princes.

"O Paris Saint-Germain está se tornando um time muito competitivo, que vai longe. Quero chegar em Paris e ajudar o PSG a se tornar um dos maiores clubes da Europa. Quero crescer com este clube, não me importo se isso vai acontecer rápido ou em dois, três anos", disse à revista France Football.

A presença de outros brasileiros, como o zagueiro Thiago Silva, o lateral-esquerdo Maxwell e o atacante Nenê, o ajudou a fazer a escolha pelos parisienses. Assim como o diretor de futebol Leonardo.

"O segundo motivo [da transferência] são os brasileiros que já estavam lá. Foi um dos argumentos de Leonardo que acabaram me convencendo", acrescentou.

Relacionados