thumbnail Olá,

Para o treinador, clube não tem a menor intenção em negociar o uruguaio com o Manchester City

O técnico Brendan Rodgers não engoliu bem o suposto interesse do Manchester City no uruguaio Luis Suárez. Para o comandante do Liverpool, o clube não tem porque se desfazer do seu melhor jogador no momento, e lembra que o elenco ficaria ainda mais desfalcado com um atacante a menos.

Reportagens na mídia inglesa davam conta que o atual campeão da Premier League estaria disposto a investir 50 milhões de libras (algo em torno de R$ 160 milhões) para levar Suárez ao Etihad Stadium. O técnico dos Citizens, Roberto Mancini, chegou a manifestar publicamente o desejo de contar com o jogador.

"Vocês vão ter que perguntar a Mancini sobre isso [interesse]. Se perdermos o Luis, vamos ficar sem nenhum atacante, então não queremos deixar ninguém sair", disse Rodgers.

"Ele [Suárez] é alguém que não temos o menor interesse em vender ou desfazer. Ele tem sido brilhante, e nós estamos sempre buscando acrescentar qualidade ao elenco, e não mandar gente embora. Especialmente alguém com a categoria dele."

Na visão do treinador, o goleador uruguaio, autor de 11 gols no Inglês até agora, não tem o interesse em deixar Anfield no momento. Recentemente, Suárez assinou um novo contrato até 2018 com os Reds.

"Luis já mostrou seu compromentimento com o clube no último verão. Ele assinou um novo contrato, e acho que todo mundo consegue ver, a esta altura, o grande momento que ele está passando aqui no Liverpool."

"Como eu disse, ele está muito, muito feliz aqui. Não vai haver nenhuma guerra de ofertas, não mesmo. Ele fica", encerra o treinador dos Reds.

A grande fase de Suárez, porém, não reflete no rendimento do time de Merseyside. Em onze rodadas na Premier League, o Liverpool soma apenas 12 pontos e ocupa a 13ª colocação.

Relacionados