thumbnail Olá,

Capitão do Tri de 1970 fala sobre a expectativa do holandês reforçar o Bota, traçando uma comparação com o meia do Galo

A possível contratação do meia Seedorf pelo Botafogo empolga os mais diversos representantes do futebol brasileiro. Ídolo do clube alvinegro, Carlos Alberto Torres, o capitão do Tri Mundial em 1970 pela Seleção, aprova o nome do holandês como reforço, e lembra que a idade não será empecilho para que ele demonstre um bom futebol.

"É um jogador experiente, tecnicamente muito bom e acredito que vá trazer muita publicidade para o Botafogo, já que é um cara famoso mundialmente. E dentro do campo também. Idade é um negocio muito relativo. Não estão vendo o Juninho no Vasco? Está inteiro. O jogador europeu se prepara muito melhor. É até uma questão cultural. Na Europa eles entendem o que é ser profissional", declarou, conforme publicado no Globoesporte.

Porém, o ex-lateral lembra que nem sempre um jogador que retorna da Europa consegue repetir o sucesso no Brasileirão. E cita o meia Ronaldinho como exemplo.

"Ele é o chamado p... louca. Alguns clubes ainda têm interesse em contratá-lo, mas, seu eu fosse gerente de futebol, não o contrataria. Futebol tem quer ser jogado com outro estágio de profissionalismo. Ele teve tudo na carreira, mas se quer seguir assim...", arrematou Torres.

A expectativa do Botafogo é anunciar Seedorf nesse final de semana. O jogador terá reunião com seus agentes em Los Angeles neste sábado, quando deve definir seu futuro.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.
          

Relacionados