thumbnail Olá,

Valencia, Gum, Deco, Diguinho, Lanzini e Sóbis seguem com futuro indefinido

Focando apenas na disputa do Brasileirão, o Fluminense ganha tempo para pensar na renovação de peças importantes de seu elenco, que têm contratos a expirar ou empréstimos encerrando em breve. São os casos de Valencia, Gum, Deco, Diguinho, Lanzini e Sóbis.

No caso do volante colombiano, que tem o vínculo encerrando em agosto, as conversas estão bastante adiantadas. Também foram feitos os primeiros contatos por Gum, Deco e Diguinho, cujos contratos se encerram no final do ano.

"Estamos tratando individualmente cada caso no momento certo. São poucos os que estão com contrato encerrando. Mas o melhor disso tudo é que todos já sinalizaram a vontade de permanecer. Isso é fundamental", disse o diretor executivo Rodrigo Caetano, conforme publicado no Globoesporte.

No caso de Sóbis e Lanzini, emprestados por Al-Jazira-EAU e River Plate, o clube estuda a forma de mantê-los. O argentino possui multa rescisória fora das possibilidades do Tricolor (R$ 30 milhões) e deve ser tratado com prioridade no momento.

"O caso do Lanzini é o mais urgente porque seu contrato termina em junho. Mas é complicado. Quanto ao Sobis, ainda temos tempo para nos organizarmos e estudarmos a melhor opção", disse o cartola, se referindo ao empréstimo do atacante, que finda em agosto.

Por fim, Caetano falou sobre a situação do meia Marquinho e do atacante Alejandro Martinuccio, emprestados à Roma e Villarreal, respectivamente. O canhoto tem boas possibilidades de permanecer na Itália.

"O Marquinho se adaptou bem e pelo andar das coisas os italianos vão exercer o direito de compra estabelecido no contrato. O Martinuccio ainda não temos uma definição e vamos esperar", encerrou.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados