thumbnail Olá,

A equipe comandada por Zinedine Zidane conquistou uma vitória importante, no desafio mais difícil que restava como visitante

As mãos estão cada vez mais próximas da taça. O Real Madrid passou pelo teste mais difícil, fora de casa, dentre os que restam no caminho que vai decidir o título espanhol. Tudo bem que nos 2 a 1 sobre o Athletic Bilbao, sábado (18), o futebol não foi bonito. Mas o triunfo pode ter sido crucial para as pretensões madridistas.

Os próximos compromissos fora de casa da equipe comandada por Zidane serão contra Leganés, Sporting Gijón, Deportivo la Coruña, Granada e Malaga (assim como a partida atrasada contra o Celta de Vigo). Ou seja: no difícil estádio de San Mamés, os Blancos tiveram o último grande desafio.

Até porque qualquer outro resultado que não fosse uma vitória abriria brecha para que o Barcelona chegasse perto, mas o Madrid esteve ligado. Durante toda a atual temporada, a única derrota do Bilbao em casa foi justamente para o Barça. O Real não poderia deixar de somar os três pontos, e cumpriu a missão com o comportamento certo.

Como Marcelo disse após o jogo, “Qualquer partida aqui é muito difícil. Eles tocam a bola muito bem, mas o professor (Zidane) nos disse que precisávamos nos doar ao máximo dentro do campo. E foi o que fizemos”. O lateral-brasileiro acertou em cheio.

Inaki Williams Marcelo Athletic Bilbao Real Madrid La Liga(Foto: Getty Images)

O jogo foi muito intenso, e enquanto o Madrid tinha que defender como uma fortaleza, precisava contra-atacar como um foguete. Foi assim que a equipe da capital conseguiu abrir o placar, quando Casemiro fez lançamento primoroso para Cristiano Ronaldo servir Karim Benzema, ainda no primeiro tempo.

Real Madrid gegen Bilbao 18032017Benzema foi um 'leão' em campo (Foto: Getty Images)

E se é acusado, muitas vezes, de não demonstrar muita luta em campo, o atacante francês correu o campo todo e foi comum vê-lo no campo de defesa, ajudando seus companheiros. Quando o Athletic empatou, o Madrid não se desesperou: Toni Kroos bateu o escanteio, CR7 desviou e Casemiro estufou as redes para garantir a vitória. Uma vitória, aliás, que mostrou uma grande entrega em jogo de equipe.


VEJA TAMBÉM:
Não foi dessa vez, Ney! | Barcelona vence o Valencia | CR7 em 'grupo seleto'


Equipe. É desta maneira que os títulos nacionais de pontos corridos são conquistados. E como o Real Madrid está desesperado para voltar a ficar no topo da Espanha, deu uma boa resposta às críticas que costumam cair sobre o clube – de que o time é, ’apenas’, um bando de craques juntos, que podem decidir em mata-matas... mas deixam a desejar no Campeonato Espanhol.

Real Madrid La Liga(Foto: Getty Images)

O retrospecto recente do Real Madrid no Campeonato Espanhol não é dos melhores. O clube ainda é quem mais vezes levantou o troféu (32 vezes), mas nos últimos oito anos só ficou com o troféu uma vez – enquanto o Barcelona foi seis vezes campeão, no mesmo período.

Curiosamente, na última vez que o Real Madrid foi campeão espanhol (em 2011-12), foi com vitória por 3 a 0 dentro do San Mamés. O caminho ainda não terminou, mas esta vitória pode ter sido uma das mais simbólicas caso os madridistas confirmem o título ao final da temporada.

Relacionados