thumbnail Olá,

Brasileiros ex-jogadores do Benfica vão enfrentar o clube português na final da Liga Europa, pelo Chelsea


Por Emanoel Ferreira


Pode-se dizer tranquilamente que o Chelsea não teve uma boa temporada até aqui. Depois da brilhante conquista da Liga dos Campeões 2011/12, os Blues caíram diante do Corinthians na final do Mundial de Clubes e, é fato, vêm caminhando aos trancos e barrancos em busca de um grande título antes do fim da temporada.

Classificado para a final da Liga Europa, o time comandado pelo treinador Rafa Benítez chega ao duelo contra o Benfica pressionado. Se quiser voltar de cabeça erguida à Londres, deverá trazer debaixo dos braços o troféu da competição, o único ainda possível na temporada.

Mais do que um desafio coletivo, a grande final entre Benfica e Chelsea, nesta quarta-feira, promete ser um marco pessoal para os brasileiros Ramires e David Luiz, ex-jogadores do clube português, hoje defendendo as cores inglesas.

Dentro de campo, volante e zagueiro do Chelsea vão reencontrar velhos companheiros, inclusive outro brasileiro, Luisão, que já disse estar ansioso por reencontrar a dupla que hoje estrela no Stamford Bridge.


RAMIRES

Ramires Santos do Nascimento, ou apenas Ramires, chegou ao Benfica em 2009, depois de se destacar no Cruzeiro com sua velocidade e constância com que surgia, de surpresa, entre os atacantes.

Naquele tempo, o ligeiro volante era ainda um jogador inábil nas abordagens aos adversários, geralmente sofrendo com cartões que terminavam por deixá-lo fora de jogos importantíssimos.

Com seu primeiro contato na Europa, esperava-se o amadurecimento necessário para que seu futebol se tornasse ainda mais decisivo. E é correto dizer que o Benfica exerceu papel fundamental nessa evolução: tornou-se um jogador de suma importância, marcando gols verdadeiramente decisivos e conquistando a opinião geral dos torcedores do clube.




Logo uma série de rumores pipocou por toda a Europa, a maioria deles ligando Ramires à Inter de Milão. Segundo os boatos, o técnico José Mourinho, hoje no Real Madrid, estava determinado a contar com o futebol de características diferenciadas do jogador brasileiro.

Recentemente, Ramires confessou que torceu para não enfrentar o Benfica nas semifinais da Liga Europa. A torcida do volante deu certo, à princípio, já que o sorteio da UEFA colocou Chelsea e Benfica em chaves diferentes da competição. Mas, na final, não há como escapar: a volta ao estádio da Luz é certa.

No Benfica, Ramires foi campeão da Liga de Sagres 2009/10 e da Carlsberg Cup 2009/10. Transferiu-se para o Stamford Bridge e fez lá sua estréia no dia 04 de agosto de 2010, um ano após ter deixado o Cruzeiro para se destacar no Velho Continente.


DAVID LUIZ

David Luiz surgiu no Vitória, onde permaneceu por seis anos, incluindo as categorias de base, até ser emprestado ao Benfica, adversário nesta final de Liga Europa.

Ao contrário de Ramires, o zagueiro não teve grande experiência no futebol brasileiro, já que seu empréstimo deu-se apenas um ano após sua promoção ao time profissional. Apesar disso, agradou ao Benfica, que adquiriu-o em definitivo meses após o primeiro contato.




Talentoso desde muito cedo, David Luiz fez sua estreia no Benfica logo numa partida contra o Paris Saint-Germain, pela Copa UEFA, na França. Após a partida, o zagueiro lamentou o que chamou de “estreia ruim”. Nada que o impedisse de ser escalado para os jogos seguintes.

David Luiz logo ganhou a titularidade, seu futebol evoluiu e ele se tornou o zagueiro que hoje vemos no Chelsea, seguro na defesa e com boa saída de bola.

O reencontro com o Benfica promete ser tão marcante para David Luiz quanto para Ramires. Quando deixou o clube português, em janeiro de 2011, por R$ 21,3 milhões, para acertar com o Chelsea, o brasileiro escreveu uma carta emocionante na qual agradeceu o apoio do clube e da torcida, além de garantir que jamais esqueceria o time lisboeta.



TEMPO REAL NO GOAL.COM!

Na próxima quarta, à partir de 15:45 (horário de Brasília), você confere todas as emoções de Benfica x Chelsea no tempo real da Goal.com Brasil! Não perca!




Relacionados