thumbnail Olá,

Pela primeira vez na história, um país conseguiu garantir seis equipes nos mata-matas da competição continental

POR FERNANDO H. AHUVIA

A fase de grupos da Copa Libertadores da América 2013 chegou ao fim nesta quinta-feira com todas as seis equipes brasileiras classificadas para os mata-matas da competição sul-americana. Goal.com analisa os confrontos dos times do país nas oitavas de final.

(1º) Atlético-MG x São Paulo (16º)

5 VITÓRIAS
2
0 EMPATES
1
1 DERROTAS
3
16 GOLS MARCADOS
8
9 GOLS SOFRIDOS
8

Atlético-MG e São Paulo fazem o único confronto de brasileiros nas oitavas de final. Melhor time da fase de grupos, o Galo teve a oportunidade de eliminar o rival e ter um adversário menos complicado, mas acabou perdendo por 2 a 0 para o próprio Tricolor na última rodada da chave. O time do Morumbi contou com a força da torcida e mostrou muita raça e superação para conseguir a vaga.

No mata-mata, a situação será diferente. Tricampeão da Libertadores, o São Paulo chega com o ânimo renovado para o confronto. Ney Franco poderá contar com Jadson, que cumpriu suspensão na última rodada, e Luis Fabiano para o confronto de volta. Além deles, o time conta com peças importantes como o ídolo Rogério Ceni, o meia Ganso e o atacante Osvaldo.

Do outro lado, o Atlético-MG terá a oportunidade de decidir a vaga no Indepêndencia, estádio em que sustenta longa invencibilidade. Para fazer companhia a Ronaldinho Gaúcho e Jô lá na frente, Cuca deverá contar com as voltas de Bernard e Diego Tardelli. Reforço vindo do Wolfsburg-ALE, Josué será inscrito na competição e será mais uma opção para o treinador atleticano. Leonardo Silva, suspenso, está fora do primeiro confronto.

Quem avançar às quartas de final encara o vencedor do confronto entre Tijuana-MEX e Palmeiras.

(4º) Corinthians x Boca Juniors (13º)

4 VITÓRIAS
3
1 EMPATES
0
1 DERROTAS
3
10 GOLS MARCADOS
7
2 GOLS SOFRIDOS
7

A grande final da Copa Libertadores da América de 2012 será reeditada já nas oitavas de final deste ano. Apesar da Conmebol ainda não ter definido, os confrontos devem ser disputados nos dias 1º e 8 de maio, sendo o primeiro na Bombonera, e o segundo no Pacaembu. O vencedor do confronto enfrentará Vélez Sarsfield ou Newell’s Old Boys nas quartas.

Atual campeão, o Corinthians teve a quarta melhor campanha da fase de grupos. Apesar de ainda não ter atuado da maneira esperada na maioria das partidas, a equipe é favorita para conquistar a classificação. Se confirmando as partidas apenas para o mês de maio, o técnico Tite deverá contar com o retorno do goleiro Cássio, que se recupera de lesão. O meia Renato Augusto também deverá estar a disposição pelo menos para o jogo de volta.

O rival argentino, que já conquistou seis vezes a Libertadores, não vive um bom momento. O time comandado por Carlos Bianchi vive uma crise por conta da campanha no campeonato argentino. Na competição continental, os Xeneizes se garantiram nas oitavas de final mesmo com três derrotas.

A presença de Juan Martínez será mais um atrativo para o duelo. O atacante, que teve uma curta passagem pelo Corinthians, forçou sua saída para o Boca com o intuito de se firmar na seleção.

(6º) Fluminense x Emelec (11º)

3 VITÓRIAS
3
2 EMPATES
1
1 DERROTAS
2
5 GOLS MARCADOS
5
5 GOLS SOFRIDOS
4

Primeiro colocado do grupo mais embolado da Libertadores, o Fluminense terá pela frente o Emelec nas oitavas de final. Apesar da sexta melhor campanha da fase, o Tricolor carioca sofreu para avançar na competição.

Atual campeão brasileiro, o Fluminense não tem empolgado o torcedor.  O time comandado por Abel Braga conquistou apenas uma vitória jogando em casa: 1 a 0 sobre o Caracas na última rodada, em São Januário. O Tricolor sabe que precisará evoluir bastante se quiser conquistar a Libertadores pela primeira vez. Fora das últimas partidas por conta de uma lesão, Fred deverá voltar ao time pelo menos no jogo de volta.

Longe do Rio de Janeiro o desempenho já é bem melhor: conquistou sete dos nove pontos disputados. Isso motiva a equipe a conseguir um bom resultado na primeira partida contra o perigoso Emelec, que eliminou o Peñarol e não foi derrotado pelo Vélez na fase de grupos.

Se passar pelo time equatoriano, o Fluminense enfrentará nas quartas de final o vencedor do duelo entre Tigre e Olimpia.

(8º) Palmeiras x Tijuana (9º)

3 VITÓRIAS
4
0 EMPATES
1
3 DERROTAS
1
5 GOLS MARCADOS
8
5 GOLS SOFRIDOS
4

Poucos meses após atravessar um dos piores momentos de sua história, o Palmeiras conseguiu superar a desconfiança do início da temporada e garantiu a primeira colocação do Grupo 2. Dessa forma, o Verdão terá o direito de decidir a classificação em casa contra o Tijuana.

O time comandado por Gilson Kleina aproveitou bem o mando de campo para se garantir nos mata-matas: três vitórias em três jogos. Por outro lado, o time Alviverde perdeu as três partidas que disputou fora de casa e sabe que precisará melhorar nesse aspecto se quiser sonhar com o segundo título da Libertadores.

O próximo desafio do Palmeiras será no gramado sintético do Estádio Caliente, que fica na fronteira entre México e Estados Unidos. Foi lá que o Tijuana acabou com a invencibilidade de 16 jogos do arquirrival Corinthians. O time mexicano, que tem como destaque o atacante equatoriano Martínez, também está com 100% de aproveitamento jogando por lá.

Quem passar por esse duelo, enfrentará o vencedor de Atlético-MG x São Paulo nas quartas de final.

(2º) Santa Fé x Grêmio (15º)

4 VITÓRIAS
2
2 EMPATES
2
0 DERROTAS
2
9 GOLS MARCADOS
10
4 GOLS SOFRIDOS
6

Segundo colocado do Grupo 8, o Grêmio terá uma parada dura nas oitavas de final da Copa Libertadores. O Tricolor Gaúcho enfrentará o Independiente Santa Fé, único time invicto da competição sul-americana, e buscará a classificação para as quartas de final fora de casa.

Apesar da classificação conquistada com um empate contra o Huachipato, no Chile, o Grêmio precisará melhorar bastante o seu desempenho na competição para não ficar pelo caminho. Para a primeira partida, Luxemburgo não poderá contar com Zé Roberto, suspenso. Lesionado, Elano também dificilmente terá condições de jogo. Por outro lado, o comandante poderá ter o retorno de Cris.

Líder do campeonato colombiano, o Santa Fé fez uma ótima campanha na fase de grupos da Libertadores. Depois de dois empates, o time colombiano venceu as últimas quatro partidas e terminou como segundo melhor primeiro colocado. A equipe comandada por Wilson Gutierrez tem como destaques o argentino Omar Perez e o atacante Medina.

O vencedor do confronto enfrentará Real Garciliaso ou Nacional na próxima fase.

Relacionados