thumbnail Olá,

O mata-mata do maior torneio de clubes do planeta começa nessa quinta, com a definição dos confrontos das oitavas-de-final. Goal.com analisou possíveis cenários para fevereiro

A primeira fase da Liga dos Campeões 2012-13 reservou algumas surpresas para os fanáticos pela maior competição interclubes do mundo. O Chelsea se tornou o primeiro campeão a ser eliminado ainda na fase de grupos do torneio seguinte; o atual campeão inglês Manchester City se despediu da competição sem uma vitória sequer; o Shakhtar Donetsk, recheado de brasileiros, foi uma das equipes que mais chamaram a atenção; favoritíssimo, o Real Madrid teve que suar a camisa pela sua vaga e acabou se classificando em segundo lugar no chamado 'grupo da morte', que teve Borussia Dortmund, o próprio City e Ajax.

É chegada então a hora de conhecermos os confrontos das oitavas-de-final, que começa no dia 12 de fevereiro de 2013. Às 8h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira, 20 de dezembro, acontece o sorteio dos confrontos. E você acompanha todos os detalhes do evento em tempo real através do twitter oficial do Goal.com Brasil.

Os oito times que acabaram em primeiro lugar nos seus grupos terão pela frente os oito que se classificaram em segundo. Os segundo-colocados jogam a primeira partida das oitavas em casa e não podem ser sorteados para enfrentar um time do seu país ou do seu grupo.

Os classificados

No Pote 1 do sorteio teremos os oito times que ficaram em primeiro lugar nos seus grupos. São eles: Paris Saint Germain-FRA, Schalke-ALE, Málaga-ESP, Borussia Dortmund-ALE, Juventus-ITA, Bayern de Munique-ALE, Barcelona-ESP e Manchester United-ING.

No Pote 2, teremos os segundo-colocados. São eles: Porto-POR, Arsenal-ING, Milan-ITA, Real Madrid-ESP, Valencia-ESP, Shakhtar Donestsk-UCR, Galatasaray-TUR e Celtic-ESC.

POTE 1  POTE 2
Paris Saint-Germain Porto
Schalke 04 Arsenal
Málaga Milan
Borussia Dortmund Real Madrid
Juventus Shakhtar Donetsk
Bayern de Munique Valencia
Barcelona Celtic
Manchester United Galatasaray

CINCO POSSÍVEIS E EXPLOSIVOS DUELOS NAS OITAVAS

Para muita gente, os melhores confrontos deveriam ficar guardados para as fases mais avançadas, e é mais interessante ver os times mais fortes eliminando os mais fracos antes de vê-los bater de frente. Mas o sorteio das oitavas pode reservar alguns duelos no mínimo interessantes - e outros dignos de uma final.


Manchester United x Real Madrid

Com ou sem crise, o Real Madrid segue sendo um dos maiores favoritos ao título. A Champions é, mais do que nunca, a grande menina dos olhos dos Blancos, que já veem o Barcelona muito distante no Campeonato Espanhol. Certamente conquistar sua décima Liga dos Campeões, 10 anos depois da última, seria a salvação para a temporada. Vencendo, Mourinho se tornaria o primeiro técnico a conquistar a "orelhuda" por três equipes diferentes (já venceu com Porto, em 2004, e Inter de Milão, em 2010). A superstição está a seu favor: todas as vezes em que sua equipe se classificou como segunda no grupo, ele terminou campeão.

Já o Manchester, que avançou com sobras no seu grupo, quer fazer de tudo para apagar a precoce eliminação da última temporada, e  de quebra, quem sabe, poder erguer sua quarta taça para provocar o City,que tirou o título Inglês dos Red Devils no último minuto, mas, mesmo com todo o dinheiro do mundo, ainda não sabe o que é disputar um mata-mata europeu. Com reforços como Van Persie e Shinji Kagawa, o United está a tudo menos a passeio nessa Liga dos Campeões.


Bayern de Munique x Real Madrid

O Bayern não desiste. Depois do vice em 2010 e do vice em 2012, tendo sido derrotado pelo Chelsea em casa, na final na Allianz Arena, o Bayern está de volta para mais uma tentativa de levantar sua quinta taça. O detalhe interessante é que os bávaros parecem sempre voltar mais fortes do que antes. Líder disparado do Campeonato Alemão, o Bayern pode dar a si mesmo folga suficiente para focar na competição europeia e, quem sabe, não cometer os mesmos erros do passado.

Contra o Real Madrid, fariam um duelo de 13 taças da Liga dos Campeões que poderia facilmente acontecer em uma final, e sem favoritos. O confronto ainda tem sabor de revanche: o Bayern eliminou a equipe merengue na semifinal da última temporada, nos pênaltis, dentro do Santiago Bernabéu, quando parecia que finalmente seria o ano da 10ª.


Borussia Dortmund x Shakhtar Donetsk

Dois dos times que apresentaram o melhor futebol na fase de grupos. Os atuais bicampeões da Alemanha não estão conseguindo repetir as mesmas atuações da Liga dos Campeões em casa nesta temporada, e já veem o Bayern de Munique muito na frente. Com isso, a Champions deve ser o grande objetivo do ano - o que já seria um presente e tanto para a apaixonadíssima torcida do clube.

O Shakhtar começou a temporada como zebra num grupo que tinha Juventus e Chelsea. Os Blues já seriam favoritos de qualquer forma, mas ainda estavam defendendo o título de 2011-12. O Shakhtar pouco se importou, não se intimidou, mostrou um futebol vistoso, corajoso, tendo os brasileiros Fernandinho e William em destaque, e com justiça conseguiu sua classificação.


Paris Saint-Germain x Milan

O Milan já não é a mesma potência que chegou duas vezes à final da Liga dos Campeões na primeira década dos anos 2000, vencendo uma, em 2007 - sua sétima taça da competição. O time luta para encontrar sua boa forma, mas a história ensina a nunca descartar de cara um time com a tradição e a camisa do Milan.

O mais novo membro no clube dos bilionários europeus, PSG, tem sérias pretensões ao título, e, apesar de não parecer estar na mesma posição de outros favoritos como Barcelona, United e Real Madrid, é um perigo constante, em especial por um nome: Zlatan Ibrahimovic. Este duelo marcaria também o reencontro de Ibra e Thiago Silva com sua antiga equipe, que sente fortemente a falta de ambos. Mas um jogador vem ocupando espaço cada vez maior no coração rossonero, e merece toda a atenção dos adversários: Stephan El Shaarawy.


Juventus x Arsenal

A Juve teve que suar para garantir sua vaga nas oitavas, o que só veio com a vitória sobre o Shakhtar em Donetsk, no último jogo. Mas foram as duas atuações contra o Chelsea - empate no Stamford Bridge e vitória tranquila em Turim - que mostraram que a Velha Senhora não está para brincadeiras em 2012, ainda que ainda apareça alguns degraus abaixo do topo na escala do favoritismo.

O Arsenal, por outro lado, vivendo sob o lema do '8 ou 80', torna seus confrontos quase sempre muito divertidos: seja por sua forte tendência auto-destrutiva, que acaba ocasionando derrotas históricas (como o 4 a 0 para o Milan nas oitavas da temporada 2011-12), ou pela sua capacidade de superar expectativas e fazer jogos épicos (como o 3 a 0 sobre o Milan na volta, na mesma temporada, com emoção até o fim).